quarta-feira, 26 de outubro de 2022

HOMILIA DIÁRIA - (CANÇÃO NOVA) – Lc 13,22-30 - 26/10/2022


Esforce-se para passar pela porta estreita

“Alguém lhe perguntou: ‘Senhor, é verdade que são poucos os que se salvam?’ Jesus respondeu: ‘Fazei todo esforço possível para entrar pela porta estreita. Porque eu vos digo que muitos tentarão entrar e não conseguirão’” (Lucas 13,23-24)



Esforçai-vos para entrar pela porta estreita. Meus irmãos, Nosso Senhor usou esse exemplo da porta estreita para dizer que nós precisamos estar livres das coisas, livres dos apegos para poder passar pela porta estreita, para poder entrar no Céu.
Façamos um exame de consciência neste dia, nesta hora: estamos apegados às coisas? Devemos fazer todo o esforço possível para entrar no Reino de Deus, mas é preciso se desapegar de muitas coisas.
Nosso Senhor foi questionado nesse sentido: “Senhor, é verdade que são poucos os que se salvam?” Jesus disse: “Esforçai-vos para entrar pela porta estreita”. Ou seja, Nosso Senhor está nos dizendo, meus irmãos, que é para nós levarmos a nossa vida a sério, uma vida de conversão a sério, uma vida de amor a Deus a sério. Uma vida de trabalho, de convivência comunitária, de família… não levar de qualquer forma.
Não dá para levar uma vida mais ou menos em Jesus, devemos levar uma vida, sim, em Jesus, uma vida firme, intensa n’Ele, de oração, de comunhão com Ele, de cada vez mais estar ligados a Ele, porque a porta é estreita.

Devemos levar uma vida de oração, de comunhão com Ele, porque a porta é estreita

Jesus aqui, depois, citou esse outro exemplo, dizendo que, quando chegar a hora iriam bater à porta, e Ele diria: “Olha, não conheço vocês”. — “Senhor, abre-nos a porta!” —“Não! Não conheço vocês, não sei de onde sois” — “Mas, Senhor, nós comemos e bebemos contigo!” — “Ixi! Nem conheço”.
Meus irmão, é o risco que nós corremos de estarmos na Igreja, mas não estarmos com Deus; de estarmos nas obras de Deus, mas não estarmos com Ele. Olha o risco que nós corremos, de até trabalharmos para Deus, de fazermos muitas coisas, mas de não estarmos com Ele.
Somos chamados, meus irmãos, a estarmos na obra de Deus, mas estarmos com o Deus da obra. Somos chamados por Nosso Senhor a estarmos nas obras de Deus, mas estarmos com o dono também da obra; a não estarmos somente na “construção”, que digo — igreja, mas estar na igreja de fato com Nosso Senhor Jesus Cristo, na vivência da santidade, na penitência, no amor ao próximo.
Nosso Senhor, meus irmãos, convida-nos a fazermos este caminho de comunhão com Ele. Leve a sério a sua caminhada com Deus, não leve mais ou menos a sua vida com Deus.
Estejamos atentos, ainda dá tempo! Busquemos a conversão, busquemos a comunhão com Ele. É verdade que são poucos os que se salvam? Sim, é verdade! Por isso faça todo o esforço possível, por isso conversão hoje, amanhã e sempre.
Abençoe-vos o Deus Todo-poderoso. Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!
Padre Márcio Prado
Sacerdote da Comunidade Canção Nova.

Nenhum comentário:

Postar um comentário