quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Terço - Mistérios Dolorosos - Terça-feira e Sexta-Feira




Terço do Rosário: Mistérios Dolorosos




/

HOMÍLIA DIÁRIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 22/08/2014

22 de Agosto de 2014

ANO A


Lc 1,26-38

Comentário do Evangelho

Maria é apresentada como aquela que recebeu o “favor de Deus”.

Esse relato do anúncio do mensageiro de Deus a Maria é parte dos relatos da infância (Lc 1–2). Lembremo-nos de que no evangelho de Mateus o anúncio é feito a José, em sonho (Mt 1,18-25). Esses relatos figuram entre os últimos relatos a serem escritos nos evangelhos; eles são fruto do amadurecimento da fé da Igreja que busca refletir, à luz da ressurreição do Senhor, o mistério da encarnação do Filho de Deus. A mensagem do anjo a Maria tem dois aspectos indissociáveis: um aspecto cristológico, a saber, a identidade de Jesus é dita em termos de sua descendência davídica e de sua função messiânica (cf. 2Sm 7,13-16); um segundo aspecto, é o que poderíamos chamar de mariológico, isto é, Maria é apresentada como aquela que recebeu o “favor de Deus”. Por “favor de Deus” entenda-se a sua eleição para gerar, segundo a carne, o Filho unigênito de Deus. A iniciativa de Deus na encarnação do Verbo conta com a colaboração do ser humano. Assim como a idade avançada de Zacarias e Isabel e a esterilidade de Isabel foram superadas na concepção de João Batista, do mesmo modo a virgindade de Maria não será impedimento para a realização do desígnio salvífico de Deus, pois para Deus “nada é impossível”.
Carlos Alberto Contieri, sj
Oração
Pai, plenifica-me com tua graça, como fizeste com Maria, de forma que eu possa ser fiel como ela ao teu desígnio de salvação para a humanidade.

Vivendo a Palavra

Na humilde e honrada simplicidade da casinha de Nazaré, uma jovem é coroada Rainha pelo Arcanjo Gabriel: ele a declara cheia de graça. E o Senhor, que já habitava por seu Espírito no coração de Maria, começava a ser gerado em sua carne: ela concebeu do Espírito Santo. Ave, Maria!

Reflexão

Jesus se insere na história da humanidade e, ao fazê-lo, também passa a ter uma história. Ele é verdadeiramente homem e assume em tudo a condição humana, menos o pecado Ao comemorarmos a Imaculada Conceição da Virgem Maria, estamos comemorando um fato da história do próprio Cristo, pois a Imaculada Conceição de Maria está condicionada ao nascimento de Cristo, uma vez que Deus estava preparando o ventre digno de receber seu próprio Filho. Com isso, podemos perceber a ação do Deus que é Senhor da história e que, agindo na própria história da humanidade, conta com a colaboração de todos para a realização do seu plano.

Recadinho


Temos consciência de que os dons que Deus nos dá são para serem colocados a serviço? - Será que não corremos o risco de, às vezes, querer tirar vantagem em proveito próprio dos dons que Deus nos dá? - O que faz quando percebe um certo desânimo no servir? - Será que temos consciência de que nossa vida tem que ser portadora de paz? - Você tem coração agradecido para com aqueles que servem em sua comunidade? Colabora com eles?
Padre Geraldo Rodrigues, C.Ss.R

Comentário do Evangelho

CONCEBIDA SEM PECADO

A festa da Imaculada Conceição leva-nos a pensar em Maria como a perfeita discípula que correspondeu plenamente aos anseios de Deus, movida pela graça. A fidelidade de Maria decorreu de um especial dom divino, o dom de nascer mais integrada do que nós, com mais capacidade de ser livre e de acolher a proposta divina.
O anjo Gabriel alude a este dom divino quando a saudou como “repleta de graça”. Toda envolvida pelo amor divino, Maria soube colocar-se, em total disponibilidade, nas mãos de Deus, para cumprir sua santa vontade: “Eis a serva do Senhor, faça-me em mim conforme a tua palavra”. Uma tal comunhão com Deus excluía qualquer traço de egoísmo e de pecado. Só a plenitude da graça permitiu-lhe ser totalmente despojada de si para cumprir o projeto de Deus. Daqui brota a fé de que Maria, mesmo antes de nascer, foi preservada do pecado.
A condição de agraciada por Deus não a eximiu do esforço de ser peregrina na fé, necessitada de crescer e de aprender, como acontece com todo ser humano. Sua originalidade consistiu em ter trilhado um caminho sempre positivo, sem fazer concessões às paixões desordenadas, ou ao próprio querer. A grandeza de seu testemunho de fé expressou-se na humildade com que o viveu, num contínuo esforço de discernir a vontade de Deus e em ser solícita em cumpri-la.
Oração
Pai, dá-me a graça de ser fiel a ti, como Maria, a perfeita discípula que soube discernir a tua santa vontade, e se mostrar solícita em realizá-la.
(O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês)
Oração
Ó Deus, que fizestes a mãe do vosso filho nossa mãe e rainha, dai-nos, por sua intercessão, alcançar o reino do céu e a glória prometida aos vossos filhos e filhas. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Oração Final
Pai Santo, que Maria, com o seu exemplo de vida, nos ensine que podemos ser humildes, simples e puros de coração, sem sermos fracos medrosos ou covardes. Que as nossas relações com o próximo sejam gentis e delicadas, mas o testemunho de fé seja firme e corajoso. Pelo Cristo Jesus, na unidade do Espírito Santo.

 

LITURGIA DIÁRIA 22/08/2014


Tema do Dia

Nossa Senhora Rainha: «Eis a escrava do Senhor.»

A Rainha diferente para o Reino diferente. O Reino que chegou para os pobres, os puros de coração, os mansos, os pacificadores, os perseguidos – só poderia ter como Rainha aquela que sabia ouvir e, mesmo sem compreender, guardava as coisas no coração.

Oração para antes de ler a Bíblia


Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos a vida eterna. Amém.

Branco. Nossa Senhora, Rainha, Memória


Primeira Leitura(Is 9,1-6)
Nossa Senhora Rainha - Sexta-feira 22/08/14

Leitura do Livro do Profeta Isaías.

1O povo, que andava na escuridão, viu uma grande luz; para os que habitavam nas sombras da morte, uma luz resplandeceu. 2Fizeste crescer a alegria, e aumentaste a felicidade; todos se regozijam em tua presença como alegres ceifeiros na colheita, ou como exaltados guerreiros ao dividirem os despojos. 3Pois o jugo que oprimia o povo, —a carga sobre os ombros, o orgulho dos fiscais — tu os abateste como na jornada de Madiã.
4Botas de tropa de assalto, trajes manchados de sangue, tudo será queimado e devorado pelas chamas. 5Porque nasceu para nós um menino, foi-nos dado um filho; ele traz aos ombros a marca da realeza; o nome que lhe foi dado é: Conselheiro admirável, Deus forte, Pai dos tempos futuros, Príncipe da Paz.
6Grande será o seu reino e a paz não há de ter fim sobre o trono de Davi e sobre o seu reinado, que ele irá consolidar e confirmar em justiça e santidade, a partir de agora e para todo o sempre. O amor zeloso do Senhor dos exércitos há de realizar estas coisas.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório(Sl 112)
Nossa Senhora Rainha - Sexta-feira 22/08/14

— Bendito seja o nome do Senhor, agora e por toda a eternidade!
— Bendito seja o nome do Senhor, agora e por toda a eternidade!

— Louvai, louvai ó servos do Senhor, louvai, louvai o nome do Senhor! Bendito seja o nome do Senhor, agora e por toda a eternidade!
— Do nascer do sol até o seu ocaso, louvado seja o nome do Senhor! O Senhor está acima das nações, sua glória vai além dos altos céus.
— Quem pode comparar-se ao nosso Deus, ao Senhor, que no alto céu tem o seu trono e se inclina para olhar o céu e a terra?
— Levanta da poeira o indigente e do lixo ele retira o pobrezinho, para fazê-lo assentar-se com os nobres, assentar-se com os nobres do seu povo!


Evangelho(Lc 1,26-38)
Nossa Senhora Rainha - Sexta-feira 22/08/14


O nascimento de Jesus é anunciado.

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 26o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.
28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!”29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.
30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus.31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.
34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?” 35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com sua sombra.
Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”. 38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.


Oração para depois de ler a Bíblia


Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los  em prática.Minha Mãe Imaculada, meu protetor São José e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém.

BOM DIA! QUE DEUS NOS ABENÇOE COM MUITA PAZ E SAÚDE. AMÉM!

OI PESSOA QUERIDA! TENHA UMA LINDA E ABENÇOADA SEXTA-FEIRA!

AGOSTO - MÊS VOCACIONAL - 3ª semana: vocação para a vida consagrada: religiosos(as) e consagrados(as) seculares - Oração pelas Vocações Religiosas - Oração pelas Vocações


Oração pelas Vocações Religiosas

Maria Santíssima, / fostes prometida no Paraíso aos nossos primeiros pais / como a Mãe do Salvador do Mundo. / Chegando à plenitude dos tempos, / na virgindade, concebestes o Filho de Deus; / na pobreza o educastes e o gerastes  / e na obediência, o levastes para o Egito e Nazaré / e o acompanhastes até a morte na Cruz. /  Fazei que tudo o que vós fostes outrora, / sejam hoje, na Igreja e no mundo, / os religiosos e as religiosas. / Por isso alcançai esta graça: / que muitos da nossa juventude / sigam generosos  o vosso exemplo. / Em sua virgindade consagrada / se tornem fecundos na santificação do mundo, / em sua pobreza evangélica, / sejam ricos em tesouros do Evangelho; / em sua obediência apostólica / irradiem a alegria da liberdade dos filhos de Deus. / E vós, Virgem Santíssima, / que sois Medianeira de todas as graças, tudo alcançais  do coração do Pai, / porque sempre o pedis por intermédio de vosso Filho. / Sabemos também que é por vossas preces, / que na Igreja de Cristo / nascem novas vocações para a vida consagrada. / Por isso mesmo a vós confiamos / o cuidado de implorar sempre mais vocações. / Por isso também felizes vos chamamos a Mãe dos Religiosos, / a Mãe das Religiosas. Amém.


Oração pelas Vocações
(Paulo VI)

Jesus, mestre divino,
que chamastes apóstolos a vos seguirem,
continuai a passar
pelos nossos caminhos,
pelas nossas famílias,
pelas nossas escolas,
e continuai a repetir o convite
a muitos dos nossos jovens.
Dai coragem às pessoas convidadas.
Dai força para que vos sejam fiéis
na missão de apóstolos leigos,
sacerdotes, diáconos, religiosos e religiosas,
para o bem do Povo de Deus
e de toda a humanidade.
Amém.

Oração pelo Sínodo dos Bispos, que será realizado de 5 a 19 de outubro, no Vaticano. A reunião tratará dos desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização.


Oração à Sagrada Família pela terceira Assembléia Extraordinária do Sínodo dos Bispos

Jesus, Maria e José, em vós contemplamos o esplendor do verdadeiro amor e, com confiança, nos voltamos para vós.
Sagrada Família de Nazaré, fazei com que nossas famílias sejam lugares de comunhão e cenáculos de oração, autênticas escolas do Evangelho e pequenas Igrejas domésticas.
Sagrada Família de Nazaré, que nas famílias nunca haja violência, fechamento ou divisão, que os que foram feridos ou escandalizados sejam consolados e curados.
Sagrada Família de Nazaré, nós vos suplicamos que, por ocasião do próximo Sínodo dos Bispos, se reacenda em todos a consciência do caráter sagrado e inviolável da família, e da sua beleza no projeto de Deus..
Jesus, Maria e José, ouvi e atendei a nossa suplica.

BOA NOITE! "Se a terra em que Jesus pisou é santa, imagine o ventre em que Ele foi gerado." HORA DE DORMIR.

VI Encontro da Divina Misericórdia - 19 a 21 de setembro na sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP)





Devotos de Jesus Misericordioso vão se reunir na Canção Nova

A Igreja precisa de fiéis que testemunhem a devoção à Divina Misericórdia

Alessandra Borges
Da redação

O 6º 
Encontro da Divina Misericórdia vai ser promovido de 19 a 21 de setembro na sede da Comunidade Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP), com o tema: “Sede testemunhas da Misericórdia de Deus” – São João Paulo II.

IMAGENS RELIGIOSAS



Oração do Magnificat


Oração do Magnificat

A minha alma engrandece ao meu Senhor
E meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador!
Porque olhou para a humildade de sua pobre serva;
doravante todas as gerações me chamarão bendita,
Porque o Poderoso fez em mim maravilhas, Santo é o seu nome!
Manifestou o poder do seu braço
Desconcertou os corações dos soberbos
Derrubou do trono os poderosos,
e exaltou os humildes.
Saciou de bens os famintos,
e despediu os ricos de mãos vazias.
Acolheu a Israel, seu servo,
lembrado de sua misericórdia;
conforme prometera a nossos pais,
em favor de Abraão e de sua posteridade, para sempre.
Glória ao Pai, ao Filho, e ao Espírito Santo.
Assim como era no princípio, agora e sempre, Amém.
O poderoso fez em mim maravilhas, Santo é o seu nome!