sábado, 26 de abril de 2014

Música para a Missa do 2º Domingo de Pascoa (27/04/2014)


SUGESTÕES DE CANTOS PARA A MISSA:

Entrada:
- Porque Ele Vive
- Ele Vive e Reinará.
Cifra e Video
- Cristo Nossa Pascoa.
Cifra e Video

Ato Penitencial:
- Senhor que Vieste Salvar
- Perdão Senhor (Porque fui omisso...)
CifraVideo
- Kirie Eleison (Com. Shalom)
- Senhor tende piedade, compadece-te
- Eu Confesso a Deus
Cifra e Video
- Quero Confessar 
- Senhor que Vieste para Perdoar
- Pelos Pecados
- Tende Piedade
- Senhor Vós Sois o Caminho
- Kirie Eleison (Nando Mendes)
Cifra e Video 
- Perdão Senhor
- Senhor, Tende Piedade (Pai de Infinita Bondade)

Glória:
- Hino de Louvor VI
- Cantemos Glória
- Glória a Deus nas Alturas  
- Louvores a Deus - Liturgico 
- Glória, Anjos do Céu
Cifra e Video
- Gloria, Aleluia
- Glória a Deus nas Alturas
- Gloria a Deus no Céu e Paz na Terra 
- Glória a Deus nos altos Céus
- Louvores ao Pai

Salmo:
- Salmo 117

Aclamação:
- Como são Belos
Cifra e Video 
- Aleluia, nosso Cordeiro Pascal

Ofertório:
- Em Procissão vão o Pão e o Vinho
- Eu Creio Num Mundo Novo
- Tudo o que Tenho
Cifra e Video 
- Nesta Prece Senhor

Santo:
- Deus é Santo 
Santo - Pe. Cleidimar Moreira
Hosana, Ao nosso Deus
-Santo, Santo é
Hosana, Ao nosso Deus

Paz:
- Esteja Sempre com Você
Cifra e Video
- Bom e Agradável
Cifra e Video
- Shalom, te amo

Cordeiro:
- Cordeiro de Deus
- Cordeiro de Deus (Opção 2)

Comunhão:
- Eu vim para que todos tenham vida
- Eu sou o Pão do Céu
Cifra e Video 
- Toma e Come
- Prova de amor

Pós-Comunhão:
- Misericórdia Infinita (Novo)
Cifra e Video
- Por Amor (Novo)
Cifra e Video
- Foi por Você (Novo)
Cifra e Video
- O Milagre Desta Comunhão
- Ao Partir o Pão

Final:
- Como não falar do seu Amor
- Eis que faço novas todas as coisas
Cifra e Video

II Domingo da Páscoa (Ano A)


II Domingo da Páscoa (Ano A)

Leituras e subsídios para liturgia e homilia:
FONTE: http://www.presbiteros.com.br/site/

Canção Nova celebra a festa da Divina Misericórdia

No dia 27 de abril, a Comunidade Canção Nova promove a Festa da Misericórdia, em Cachoeira Paulista (SP), que neste ano terá como tema: "Festa da Misericórdia: Refúgio para todas as almas". Na programação haverá a celebração da Santa Missa, pregações e a bênção dos quadros de Jesus Misericordioso.

Os peregrinos são convidados a virem até a Canção Nova para agradecer e festejar a Divina Misericórdia, festa instituída pelo beato João Paulo II atendendo ao pedido do próprio Jesus no Diário de Santa Faus
tina.


“Desejo que a Festa da Misericórdia seja refúgio e abrigo para todas as almas, especialmente para os pobres pecadores. Neste dia estão abertas as entranhas da Minha Misericórdia. Derramo todo um mar de graças sobre aquelas almas que se aproximam da fonte da Minha Misericórdia. A alma que for à confissão e receber a Sagrada Comunhão obterá remissão total das culpas e das penas. Nesse dia estão abertas todas as comportas divinas, pelas quais se derramam as graças. Que nenhuma alma receie vir a Mim, ainda que os seus pecados sejam tão vivos como escarlate” (Diário n. 699).

Baixe e Ouça o Salmo Dominical 117


Salmo 117

Melodia e cifra

Disponibilizamos para você a melodia e a cifra do salmo dominical desta semana. Este será interpretado pela ministra de música Karina, membro da Comunidade Canção Nova desde 2005. Hoje, ela trabalha no Departamento de Música dessa obra de Deus e faz faculdade de música. A consagrada é presença marcante nos Acampamentos de Oração em Cachoeira Paulista, sede da comunidade fundada pelo monsenhor Jonas Abib.

http://vobr.webtvcn.com/2009/salmos/salmo_117_cancaonova.mp3

FONTE:

LITURGIA DIÁRIA 27/04/2014


Tema do Dia

2ª Páscoa – Divina Misericórdia.

Eram perseverantes em ouvir o ensinamento dos apóstolos, na comunhão fraterna, no partir do pão e nas orações. Todos os que abraçaram a fé eram unidos e colocavam em comum todas as coisas. Louvavam a Deus e eram estimados por todo o povo.
(At 2,42-47)

Oração para antes de ler a Bíblia


Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda
e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame
 e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por
 todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores
se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos
a vida eterna. Amém.


Primeira Leitura (At 2,42-47)
2º Domingo da Páscoa – Domingo 27/04/2014

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Os que se haviam convertido 42eram perseverantes em ouvir o ensinamento dos apóstolos, na comunhão fraterna, na fração do pão e nas orações.
43E todos estavam cheios de temor por causa dos numerosos prodígios e sinais que os apóstolos realizavam. 44Todos os que abraçavam a fé viviam unidos e colocavam tudo em comum; 45vendiam suas propriedades e seus bens e repartiam o dinheiro entre todos, conforme a necessidade de cada um.
46Diariamente, todos freqüentavam o Templo, partiam o pão pelas casas e, unidos, tomavam a refeição com alegria e simplicidade de coração. 47Louvavam a Deus e eram estimados por todo o povo. E, cada dia, o Senhor acrescentava ao seu número mais pessoas que seriam salvas.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 117)
2º Domingo da Páscoa – Domingo 27/04/2014

— Dai graças ao Senhor, porque Ele é bom;/ eterna é a sua misericórdia!
— Dai graças ao Senhor, porque Ele é bom;/ eterna é a sua misericórdia!

— A casa de Israel agora o diga:/ “Eterna é a sua misericórdia!”/ A casa de Aarão agora o diga:/ “Eterna é a sua misericórdia!”/ Os que temem o Senhor agora o digam:/ “Eterna é a sua misericórdia!”
— Empurram-me, tentando derrubar-me,/ mas veio o Senhor em meu socorro./ O Senhor é minha força e o meu canto,/ e tornou-se para mim o Salvador./ “Clamores de alegria e de vitória/ ressoem pelas tendas dos fiéis”.
— “A pedra que os pedreiros rejeitaram/ tornou-se agora a pedra angular.”/ Pelo Senhor é que foi feito tudo isso:/ que maravilhas ele fez a nossos olhos!/ Este é o dia que o Senhor fez para nós,/ alegremo-nos e nele exultemos!


Segunda Leitura (1Pd 1,3-9)
2º Domingo da Páscoa – Domingo 27/04/2014

Leitura da Primeira Carta de São Pedro.

3Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo. Em sua grande misericórdia, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, ele nos fez nascer de novo, para uma esperança viva, 4para uma herança incorruptível, que não se mancha nem murcha, e que é reservada para vós nos céus.
5Graças à fé, e pelo poder de Deus, vós fostes guardados para a salvação que deve manifestar-se nos últimos tempos. 6Isto é motivo de alegria para vós, embora seja necessário que agora fiqueis por algum tempo aflitos, por causa de várias provações.
7Deste modo, a vossa fé será provada como sendo verdadeira — mais preciosa que o ouro perecível, que é provado no fogo — e alcançará louvor, honra e glória no dia da manifestação de Jesus Cristo.
8Sem ter visto o Senhor, vós o amais. Sem o ver ainda, nele acreditais. Isso será para vós fonte de alegria indizível e gloriosa, 9pois obtereis aquilo em que acreditais: a vossa salvação.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Anúncio do Evangelho (Jo 20,19-31)
2º Domingo da Páscoa – Domingo 27/04/2014


Jesus aparece aos discípulos


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor!

19Ao anoitecer daquele dia, o primeiro da semana, estando fechadas, por medo dos judeus, as portas do lugar onde os discípulos se encontravam, Jesus entrou e, pondo-se no meio deles, disse: “A paz esteja convosco”.
20Depois dessas palavras, mostrou-lhes as mãos e o lado. Então os discípulos se alegraram por verem o Senhor.
21Novamente, Jesus disse: “A paz esteja convosco. Como o Pai me enviou, também eu vos envio”. 22E, depois de ter dito isso, soprou sobre eles e disse: “Recebei o Espírito Santo. 23A quem perdoardes os pecados, eles lhes serão perdoados; a quem os não perdoardes, eles lhes serão retidos”.
24Tomé, chamado Dídimo, que era um dos doze, não estava com eles quando Jesus veio. 25Os outros discípulos contaram-lhe depois: “Vimos o Senhor!” Mas Tomé disse-lhes: “Se eu não vir a marca dos pregos em suas mãos, se eu não puser o dedo nas marcas dos pregos e não puser a mão no seu lado, não acreditarei”.
26Oito dias depois, encontravam-se os discípulos novamente reunidos em casa, e Tomé estava com eles. Estando fechadas as portas, Jesus entrou, pôs-se no meio deles e disse: “A paz esteja convosco”.
27Depois disse a Tomé: “Põe o teu dedo aqui e olha as minhas mãos. Estende a tua mão e coloca-a no meu lado. E não sejas incrédulo, mas fiel”. 28Tomé respondeu: “Meu Senhor e meu Deus!” 29Jesus lhe disse: “Acreditaste, porque me viste? Bem-aventurados os que creram sem terem visto!”
30Jesus realizou muitos outros sinais diante dos discípulos, que não estão escritos neste livro.31Mas estes foram escritos para que acrediteis que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e, para que, crendo, tenhais a vida em seu nome.


— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.


Oração para depois de ler a Bíblia


Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações
que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los  em prática.
Minha Mãe Imaculada, meu protetor SãoJosé e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém.