terça-feira, 12 de dezembro de 2017

BOM DIA! BOA TARDE! BOA NOITE! Oração da noite, Oração da manhã e Oração do entardecer - Deus te abençoe!



Oração da Noite

Boa noite Pai.
Termina o dia e a ti entrego meu cansaço.
Obrigado por tudo e… perdão!!
Obrigado pela esperança que hoje animou meus passos, pela alegria que vi no rosto das crianças;
Obrigado pelo exemplo que recebi daquele meu irmão;
Obrigado também por isso que me fez sofrer…
Obrigado porque naquele momento de desânimo lembrei que tu és meu Pai; Obrigado pela luz, pela noite, pela brisa, pela comida, pelo meu desejo de superação…
Obrigado, Pai, porque me deste uma Mãe!
Perdão, também, Senhor!
Perdão por meu rosto carrancudo; Perdão porque não me lembrei que não sou filho único, mas irmão de muitos; Perdão, Pai, pela falta de colaboração e serviço e porque não evitei aquela lágrima, aquele desgosto; Perdão por ter guardado para mim tua mensagem de amor;
Perdão por não ter sabido hoje entregar-me e dizer: “sim”, como Maria.
Perdão por aqueles que deviam pedir-te perdão e não se decidem.
Perdoa-me, Pai, e abençoa os meus propósitos para o dia de amanhã, que ao despertar, me invada novo entusiasmo; que o dia de amanhã seja um ininterrupto “sim” vivido conscientemente.
Amém!!!

Oração da manhã

Bom-dia, Senhor Deus e Pai!
A ti, a nossa gratidão pela vida que desperta, pelo calor que
cria vida, pela luz que abre nossos olhos.
Nós te agradecemos por tudo que forma nossa vida, pela terra, pela água, pelo ar, pelas pessoas. Inspira-nos com teu Espírito Santo os pensamentos que vamos alimentar,as palavras que vamos dizer, os gestos que vamos dirigir,a comunicação que vamos realizar.
Abençoa as pessoas que nós encontramos, os alimentos que vamos ingerir.
Abençoa os passos que nós dermos, o trabalho que devemos fazer.
Abençoa, Senhor, as decisões que vamos tomar, a esperança que vamos promover,a paz que vamos semear,a fé que vamos viver, o amor que vamos partilhar.
Ajuda-nos, Senhor, a não fugir diante das dificuldades, mas a abraçar amor as pequenas cruzes deste dia.
Queremos estar contigo, Senhor, no início, durante e no fim deste dia.
Amém.

Oração do entardecer

Ó Deus!
Cai à tarde, a noite se aproxima.
Há neste instante, um chamado à elevação, à paz, à reflexão.
O dia passa e carregam os meus cuidados.
Quem fez, fez.
Também a minha existência material é um dia que se passa,
uma plantação que se faz, um caminho para algo superior.
Como fizeste a manhã, à tarde e a noite, com seus encantos,
fizeste também a mim, com os meus significados, meus resultados.
Aproxima de mim, Pai, a Tua paz para que usufrua desta
hora e tome seguras decisões para amanhã.
Que se ponha o sol no horizonte, mas que nasça
em mim o sol da renovação e da paz para sempre.
Obrigado, Deus, muito obrigado!
Amém!

NOVENA DE NATAL DOS DIAS 11/12/2017 A 19/12/2017 - TERCEIRO DIA


NOVENA DE NATAL - TERCEIRO DIA

3º Dia - Jesus, acenda em nossos corações o amor

01. Canto

Vem, Senhor, Jesus, o mundo precisa de ti (bis)
Ao mundo falta AMOR. Tu és AMOR. Vem, Senhor Jesus!

2. Saudação

Santa Luzia - 13 de Dezembro



Santa Luzia, protetora dos olhos

Santa Luzia vendeu tudo, deu aos pobres, e logo foi acusada pelo jovem que a queria como esposa
O nome de Santa Luzia deriva do latim e significaPortadora da luz. Ela é invocada pelos fiéis como a protetora dos olhos, que são a "janela da alma", canal de luz.

HOMÍLIA DIÁRIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 13/12/2017

ANO B


Mt 11,28-30

Comentário do Evangelho

A Lei de Deus é dom para preservar o dom da vida e o dom da liberdade.

Jesus é não somente o sábio, mas a sabedoria de Deus que atrai todos a si para instruí-los na Lei de Deus. O “jugo” (ou fardo) é uma peça de madeira posta sobre o pescoço dos animais para equilibrar o peso que se impunha sobre eles. Entre outros significados, na Sagrada Escritura, ele se refere à Lei (Jr 2,20; 5,5). Jesus critica os escribas e fariseus porque eles amarram pesados fardos nos ombros dos homens (Mt 23,4). Com isso, Jesus os critica pelo modo como interpretam a Lei e como impõem aos outros a praticar. Na consideração de Jesus essa abordagem da Lei abate e oprime. Ora, a Lei de Deus é dom para preservar o dom da vida e o dom da liberdade. Daí que ela mesma não pode se tornar uma escravidão que submete as pessoas ao rigorismo estéril, incapaz de gerar vida. A Lei de Deus é um caminho para a vida e a liberdade (cf. Dt 30,16). A lei de Deus é a Lei do amor (cf. Jo 15,12). O amor faz viver, enche de alegria. Pelo amor tudo tem sentido e adquire o seu devido valor. O amor é a expressão máxima da vida cristã. O que alivia o peso do fardo que cansa e abate é o amor de Deus que, na plenitude dos tempos, se manifestou e se fez sentir na pessoa de Jesus Cristo.
Carlos Alberto Contieri, sj
Oração
Pai, dá-me disposição para pôr em prática as exigências do Reino, assumidas como expressão de minha fé sincera em teu Filho Jesus. Que elas sejam para mim um jugo suave!
Fonte: Paulinas em 10/12/2014

Vivendo a Palavra

Este é um texto que devemos ter de cor (guardado no coração) para ser lembrado nos momentos de dor e sofrimento inevitáveis nesta vida. É um convite para depositarmos o nosso fardo nos ombros fortes e fraternos de Jesus e aprendermos com Ele a humildade e a mansidão.
Fonte: Arquidiocese BH em 10/12/2014

VIVENDO A PALAVRA

Parece que Jesus está sentindo as asperezas do tempo em que vivemos neste início de terceiro milênio e se oferece como refúgio seguro e amigo para o nosso descanso. Aceitemos o convite com alegria e gratidão e o estendamos generosamente aos irmãos de caminhada.

Reflexão

Existem pessoas que acreditam que a verdade da religião encontra-se num rigorismo muito grande, principalmente no que diz respeito às exigências morais e rituais. Com isso, a religião acaba por ser um instrumento de opressão. Jesus nos mostra que não deve ser assim. Ele veio ao mundo para trazer a libertação do jugo do pecado e da morte e que a verdadeira religião é aquela que liberta as pessoas de todos os pesos que as oprimem na sua existência. O verdadeiro cristianismo é aquele que não está fundamentado na autoridade e na rigidez, mas na humildade e mansidão de coração, por que o seu fundador, Jesus Cristo, manso e humilde de coração, é o Mestre de todo o nosso agir.
Fonte: CNBB em 10/12/2014

Meditação

Jesus se mostra sempre atencioso e carinhoso para com seus ouvintes. Procuro imitá-lo? - Minha alegria de viver é contagiante? - Procuro buscar descanso em Deus? - Quando acho que meu fardo é pesado demais, que atitudes tomo? - Será que imagino que ao rezar Deus vai tirar os problemas de minha vida ou simplesmente vai me dar um incentivo para prosseguir no caminho de Fé?
Padre Geraldo Rodrigues, C.Ss.R
Fonte: a12 - Santuário em 18/07/2013

Meditando o evangelho

LIBERTOS DO JUGO

O modo como o sistema religioso da época tratava as pessoas era insuportável para Jesus. A religião, longe de ser motivo de liberdade e alegria, fora reduzida a uma carga pesada, colocada nos ombros da gente simples, numa evidente deturpação da imagem de Deus. Questionando esta situação, Jesus queria recuperar o caráter da religião de Israel, fundada no amor misericordioso de Deus.
Ao falar metaforicamente em "jugo" e "fardo", o Mestre denunciava o processo de desumanização promovido pela religião. A quem se impõe "jugo" e "fardo", se não aos animais? Quem padece esta situação, a não ser as bestas de carga? Pois bem, os incautos fiéis da época foram animalizados, ao serem condenados a penar sob o pesado fardo das imposições da Lei. Era preciso aliviá-los!
Foi o que fez Jesus, convidando-os a romper com os antigos mestres. Ao mesmo tempo, convidou-os a se aproximarem dele: "Venham a mim!", propondo-lhes a Lei nova do amor. Nada de picuinhas ou exigências descabidas. O acesso a Deus proposto por Jesus dá-se pela mediação do próximo. Liberta-se dos antigos esquemas quem deveras faz-se solidário, vive reconciliado e sabe perdoar, deixa-se guiar pelo imperativo da justiça e da verdade, empenha-se em construir um mundo de igualdade e respeito. Tudo o mais torna-se secundário para quem se faz discípulo de Jesus. Para isso, é preciso romper com os que insistem em transformar a religião em instrumento de opressão.
(O comentário do Evangelho é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado neste Portal a cada mês)
Oração
Pai, torna-me cauteloso diante dos que fazem da religião um instrumento de desumanização. Que o convite libertador de Jesus sempre encontre eco no meu coração.

COMENTÁRIOS DO EVANGELHO

1. O Jugo Suave do Mestre
(O comentário do Evangelho abaixo é feito pelo Diácono José da Cruz - Diácono da Paróquia Nossa Senhora Consolata – Votorantim – SP)

O evangelho de hoje é um convite muito sério para refletir sobre tudo o que fazemos e principalmente nossos trabalhos pastorais. Jesus fala de um fardo pesado que nos cansa e traz grande fadiga, naquele tempo era a observância das leis de Moisés, que os Fariseus haviam multiplicado e como Guardiães da Lei, se davam ao direito de cobrar e exigir de toda a assembleia de maneira minuciosa, todos aqueles preceitos.
De igual modo hoje há em nossa igreja o perigo de um ativismo exagerado onde perdemos a noção daquilo que é essencial, que é sempre ter em vista o “Por que” fazemos. Os sintomas de fardo pesado sempre aparecem: são as brigas pelo poder, as discussões, desentendimentos, falta de compreensão e de paciência no relacionamento entre as pessoas de uma equipe, pastoral ou movimento. Uma das equipes de serviço que mais evidencia esse Julgo Pesado, é a equipe de eventos, espelho e reflexo do restante da comunidade. Se nessa equipe faltar: alegria, solidariedade, companheirismo, misericórdia, compreensão, pode saber que o restante das lideranças também está contaminado.
O que Jesus nos pede é para que o busquemos para sentirmos alívio em nosso fardo, e daí aquilo que é uma obrigação, e que vou arrastando entre gemidos, queixas e lamúrias, se torna leve, suave, alegre. Qual o segredo de Jesus? Exatamente o FAZER com e por AMOR. Jesus colocou um julgo diferente dos Fariseus: o Amor que se doa, que serve a todos, e que se entrega. Ele o tomou por primeiro ao carregar a cruz, sem praguejar, sem queixar-se, sem lamuriar-se e sem decepcionar-se com os homens que o condenaram.
Na comunidade há os que exigem e sempre reclamam, há os que querem dominar mas há outros que se entregam, se doam, sempre com alegria, tornando aquela ação prazerosa. Estes são os que fazem por amor, os que buscaram a Jesus e transformaram o peso insuportável das obrigações cristãs, na leveza do Amor que a todos ama e serve, exatamente como Jesus.
Na Comunidade nada façamos por mera obrigação, mas por amor, e chega de nos valorizarmos a todo o momento, afirmando ou pensando que, sem nós o trabalho não será feito. Que o nosso amor cristão se traduza unicamente em serviço, sempre feito na leveza do Amor, que gera em nós esta incontida e santa alegria no Senhor.

2. Meu jugo é suave e o meu fardo é leve
(O comentário do Evangelho abaixo é feito por Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2017’, Paulinas e disponibilizado no Portal Paulinas - http://comeceodiafeliz.com.br/evangelho)

De repente alguém canta, como cantava Clara Nunes, vindo pela noite tão longa de fracasso em fracasso, descrente de tudo, sabendo que só lhe resta o cansaço, cansaço da vida, cansaço de si mesmo. Nessa hora em que parece que só me resta o cansaço, ouço outra voz que me chama prometendo o descanso: “Venham a mim vocês que estão cansados e carregados de fardos e eu lhes darei descanso”. O descanso de Deus ou seu repouso foi a Terra Prometida para o povo do deserto. Nosso descanso já não é um lugar. É estar com Cristo. É simplesmente estar com Cristo, sem nada de extraordinário, com a consciência tranquila, com o coração aquietado. Então, desaparece o cansaço mesmo quando é muito o trabalho. O trabalho já não cansa porque é amado e não me canso porque sei que eu sou amado mais do que o trabalho. Não é verdade que ninguém me ama e ninguém me quer. Já não é verdade que quem me abraça não me quer bem. Aquele que me chama tornou leve o fardo e suave o jugo para que todos se sentissem atraídos ao seu coração. Manso e humilde, ele mesmo não assusta nem é peso. Com ele é possível estar bem. Sendo ele o modelo único, é preciso imitá-lo. Seus discípulos e seus representantes não podem não ser mansos e humildes. Mansidão e humildade são boas companheiras da autoridade. Aos mansos humilhados a terra será restituída e eles, por serem mansos, tornarão a terra habitável. Na linguagem habitual o manso se opõe ao bravo. Num mundo de mansos ninguém se morde.

HOMILIA

UM CONVITE DE JESUS

Hoje o Senhor claramente nos convida a irmos a Ele: Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso de vossos fardos... E eu pergunto quantos de nós temos nos cansado durante o nosso dia a dia, pelas circunstâncias, seja uma insatisfação pessoal no trabalho, sejam as coisas que acontecem que não saem da forma como desejamos, ou seja, até mesmo o jeito como nós tratamos a quem amamos que por muitas vezes nem é o modo como queremos tratar, mas pela falta de paciência, pelo cansaço físico, mental ou espiritual nos deixamos levar pelas nossas fraquezas e não fazemos o bem que desejamos.
Hoje Jesus nos convida porque conhece o nosso coração e sabe que só n’Ele teremos descanso, pois Ele mesmo justifica isso quando diz Tomai sobre vós o meu jugo e aprendeis de mim, porque sou manso e humilde de coração. Pois o meu jugo é suave e meu fardo é leve.
Jesus não nos convida até Ele para nos condenar, mas nos convida para tirar de nós tudo que não nos faz bem, inclusive nosso sentimento de culpa em relação aos nossos pecados e fraquezas. Ele anseia e deseja muito que O busquemos para nos dar o descanso necessário para uma boa caminhada.
Não importa se estás passando por esta crise, pensando que ninguém se importa, que ninguém se preocupa, o que eu quero dizer-te são Palavras do Mestre: Vinde a mim, todos vós que estais cansados de carregar as vossas pesadas cargas, e eu vos darei descanso. Neste texto Jesus demonstra o seu amor para contigo. Ele se importa contigo e por isso de chama. Faz-te um convite. E este é para os que têm problemas, para os cansados e os oprimidos; os que estão com cargas tão pesadas e tão grandes que não dão conta de carregar sozinhos; os que perderam a esperança até mesmo para esperar; os que estão feridos e com traumas profundos; os que não têm mais caminho, para caminhar; os que perderam o rumo da vida, para os que perderam a direção.
O convite é para ti que estás com o coração quebrado, arrebentado, porque há reabilitação, há cura; é para ti que desperdiçaste a tua vida no mal, pois ainda há possibilidade para fazer o bem; para ti que já não tens mais perspectiva na vida, expectativa de um novo começo; para ti que te sentes desesperado, desprezado; para ti que te sentes doente, perdido na vida; para ti que estás longe, e morto em delitos e pecados.
Talvez tu digas: Minha vida não tem jeito, porque o pau que nasce torto, cresce torto e morre torto”, Mas te digo, Tem sim! Porque o pau que nasce torto, só é torto antes de chegar nas mãos do carpinteiro de Nazaré. Depois de passar pelas Suas mãos saí um móvel precioso raríssimo de encontrar! Ele te oferece uma nova oportunidade. Jesus é o Deus do impossível, é o Deus capaz de fazer: do vilão, um herói; do bandido, um santo; do perseguidor, um defensor do evangelho.
Com as palavras vinde a Mim, Jesus nos chama a confiar n’Ele, a crer. Porque ninguém pode ir, e seguir, sem crer, sem confiar nele.
Ele te chama para que tu tomes sobre ti o jugo d’Ele: tomai sobre vós o meu jugo. Jesus não te engana. Ele não prometeu só mar de rosa, porque aqui o jugo quer dizer que tudo aquilo que Jesus passou tu terás de passar. Assim como Ele foi perseguido, sofreu, maltratado e até pela tua própria família, caluniado, zombado, odiado, abandonado entre ladrões e morto na Cruz mas que três dias depois ressuscitou assim também tu terás de passar pela mesma situação. Aliás ao discípulo basta ser igual ao mestre. Se a Mim trataram assim, a vós também. Mas não tenhais medo. Eu venci o mundo!
Precisamos aprender d’Ele: e aprendei de mim que sou manso e humilde de coração. Chama-nos ao discipulado d’ele, sermos seus alunos. Ele quer que eu e tu sejamos seu imitador. Ele passará a ser o teu modelo. Tu precisarás conhecer mais e mais o teu Senhor, as coisas d’Ele, até chegar ao pleno conhecimento. Mas isso só será possível se estiveres perto d’Ele. É por isso que também nos chama para estar perto dEle, junto dEle, para ter comunhão, e intimidade com Ele. É urgente que tu contes tudo para Deus. Ele te dá este privilégio de abrir o peito, a alma, e o coração. E então: achareis descanso para as vossas almas.
Hoje Jesus quero Te louvar pelo meu trabalho, que tem me tirado muito dos nossos momentos de intimidade. Isso, na verdade, tem me feito valorizar cada minutinho que posso beber da graça que é ter tua presença. Dá-me a graça de, durante todo o meu dia, conseguir parar, para escutar e discernir a Tua vontade para as minhas atitudes do meu dia. Da-me a graça de ser manso e humilde assim como Tu és, Senhor.
Padre BANTU SAYLA
Fonte: Liturgia da Palavra em 10/12/2014

HOMILIA DIÁRIA

Tenhamos um coração manso e humilde

Jesus é manso e humilde de coração! Está aí o segredo, o remédio, o caminho e a luz para o nosso cansaço e para a nossa fadiga: olharmos para o coração de Jesus e aprendermos da Sua mansidão e da Sua humildade.
“Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso”(Mateus 11, 28).
O coração amabilíssimo de Jesus acolhe todo o nosso cansaço e todas as nossas fadigas da vida. Deixe-me dizer uma coisa a você: Quem é que não se cansa desta vida? Quem é que não sente o cansaço e o peso da vida?
Quantas fadigas se acumulam ao redor de nós! Afinal de contas, cada um tem um jugo para carregar nesta vida, o jugo dos nossos compromissos, responsabilidades e exigências que a vida faz de nós. O jugo da nossa saúde, das coisas que não dão certo, dos êxitos que não obtemos e das exigências que, algumas vezes, são mais duras do que nossa própria capacidade. O jugo da ingratidão das pessoas, da incompreensão, muitas vezes, até dos nossos próprios familiares de casa, da família, dos amigos; as desmotivações.
Muitas vezes, muitos muros desmoronam à nossa frente. Parece que o nosso jugo se torna tão pesado que até respiramos e dizemos: “Que vontade de desistir!”. Não desista não! Se o nosso jugo está pesado, Jesus quer torná-lo leve, e o nosso peso leve; Ele quer dar descanso para a nossa alma e para o nosso coração.
Para isso, nós só precisamos entregar o nosso jugo a Ele e tomarmos sobre nós o jugo que é d’Ele, porque o Seu jugo é leve! Por que o jugo d’Ele é suave e o Seu fardo é leve? Porque Jesus é manso e humilde de coração! Está aí o segredo, o remédio, o caminho e a luz para o nosso cansaço e para a nossa fadiga: olharmos para o coração de Jesus e aprendermos da Sua mansidão e da Sua humildade.
Nós não precisamos nos desesperar, brigar, nos revoltar, nem nos exaltar acima da medida. Precisamos ter aquela medida da mansidão, de olhar tudo com o olhar sereno e calmo; um olhar que medita com muita clareza sobre as coisas para não termos uma medida muito elevada sobre nós, nem, ao mesmo tempo, uma medida que nos faça menosprezar aquilo que, na verdade, nós somos. Ou seja, a medida da cautela e da serenidade sobre tudo aquilo que fazemos, ao mesmo tempo a humildade de coração.
A humildade para saber reconhecer a grandeza de Deus, o Seu amor e não querer ser o que não somos, nem mais do que podemos ser. Saber ser agradecidos na prosperidade, e ser mais humildes nas contrariedades e nas dificuldades. E veremos que, dia após dia, o nosso fardo vai se tornando mais leve.
Jesus não veio para tirar o nosso fardo, mas veio para nos dar uma nova visão sobre o fardo que temos que levar nesta vida. Que o Senhor Jesus, manso e humilde de coração, faça o nosso coração semelhante ao d’Ele!
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.
Fonte: Canção Nova em 10/12/2014

Oração Final
Pai Santo, nós damos graças pela vida e pela fé que nos dás. E nos alegramos pelo Cristo, teu Filho que se fez nosso Irmão para caminhar conosco na volta ao teu Reino de Amor, dispondo-se a nos ajudar a carregar a nossa carga. Pelo mesmo Cristo Jesus, teu Filho e nosso Irmão, na unidade do Espírito Santo.
Fonte: Arquidiocese BH em 10/12/2014

ORAÇÃO FINAL
Pai Santo, envia teu Espírito sobre a Igreja de Jesus, para que, reconhecendo a nossa vocação à santidade, nós não a busquemos no topo da escada da perfeição orgulhosa, mas descendo pelo caminho da mansidão e da humildade de coração. Pelo mesmo Jesus, o Cristo teu Filho que se fez nosso Irmão e contigo reina na unidade do Espírito Santo. Amém.

LITURGIA DIÁRIA - 13/12/2017


Tema do dia

O AMOR DO SENHOR EXISTE DESDE SEMPRE

A Leitura de hoje, escrita no cativeiro da Babilônia por quem conhecemos como ‘Segundo Isaías’, é uma mensagem de consolação e esperança para o povo de Israel, privado de sua terra e da liberdade. Serve para a nossa Igreja de hoje, envolvida numa sociedade consumista.

Oração para antes de ler a Bíblia


Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos a vida eterna. Amém.

4ª feira da 2ª Semana do Advento
Sta. Luzia* VgMt, memória
Cor: Vermelho


Primeira Leitura (Is 40,25-31)
2ª Semana do Advento - Quarta-feira - 13/12/2017

Leitura do Livro do Profeta Isaías.

25“Com quem haveis de me comparar, e a quem seria eu igual?” — fala o Santo. 26Levantai os olhos para o alto e vede: Quem criou tudo isto? — Aquele que expressa em números o exército das estrelas e a cada uma chama pelo nome: tal é a grandeza e força e poder de Deus que nenhuma delas falta à chamada. 27Então, por que dizes, Jacó, e por que falas, Israel: “Minha vida ocultou-se da vista do Senhor e meu julgamento escapa ao do meu Deus?” 28Acaso ignoras, ou não ouviste? O Senhor é o Deus eterno que criou os confins da terra; ele não falha nem se cansa, insondável é sua sabedoria; 29ele dá coragem ao desvalido e aumenta o vigor do mais fraco. 30Cansam-se as crianças e param, os jovens tropeçam e caem, 31mas os que esperam no Senhor renovam suas forças, criam asas como as águias, correm sem se cansar, caminham sem parar.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 102)
2ª Semana do Advento - Quarta-feira - 13/12/2017

— Bendize, ó minha alma, ao Senhor.
— Bendize, ó minha alma, ao Senhor.

— Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e todo o meu ser, seu santo nome! Bendize, ó minha alma, ao Senhor, não te esqueças de nenhum de seus favores!
— Pois ele te perdoa toda culpa e cura toda a tua enfermidade; da sepultura ele salva a tua vida e te cerca de carinho e compaixão.
— O Senhor é indulgente, é favorável, é paciente, é bondoso e compassivo. Não nos trata como exigem nossas faltas, nem nos pune em proporção às nossas culpas.


Evangelho (Mt 11,28-30)
2ª Semana do Advento - Quarta-feira - 13/12/2017


Meu jugo é suave e o meu fardo é leve

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, tomou Jesus a palavra e disse: 28“Vinde a mim todos vós que estais cansados e fatigados sob o peso dos vossos fardos, e eu vos darei descanso. 29Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração, e vós encontrareis descanso. 30Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.


Oração para depois de ler a Bíblia


Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los em prática. Minha Mãe Imaculada, meu protetor São José e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém.

TERÇOS – VÍDEOS


Acesse:

1  Terço da Divina Providência - http://youtu.be/5mzUbLl_P48

2 - Terço de Cura e Libertação  http://youtu.be/TWmZ47JoC0I

3  Terço da FÉ  http://youtu.be/-I1tuBSDtkU

4 - Terço do Espírito Santo - http://youtu.be/BJqMkwQsOeQ

5 - Terço da Libertação Cantado - http://youtu.be/9ofE4VoEZPU

6 - Terço da Sagrada Face de Nosso Senhor Jesus Cristo - http://youtu.be/dr_BtsQtRvo

7 - Terço de São Bento - http://youtu.be/p-iD6TySLmY

8 - TERÇO DE CURA E LIBERTAÇÃO (PADRE JOÃOZINHO)  http://youtu.be/hUuaQk1ydWw