terça-feira, 1 de outubro de 2013

QUE A ESPERANÇA NUNCA O ABANDONE. QUE A FÉ SEJA SUA COMPANHEIRA COSNTANTE. QUE O AMOR FAÇA PARTE DO SEU DIA-A-DIA. "QUE VOCÊ TENHA UMA BELÍSSIMA QUARTA-FEIRA!" DEUS TE ABENÇOE!!!

BOA NOITE! - "No coração da Igreja, minha MÃE, serei o AMOR." Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face

TERÇOS – VÍDEOS

TERÇO DA DIVINA PROVIDÊNCIA
 

TERÇO DE CURA E LIBERTAÇÃO
 

TERÇO DA FÉ
 

TERÇO DO ESPÍRITO SANTO
 

TERÇO DA LIBERTAÇÃO CANTADO - JOÃO GREGÓRIO

TERÇO DA MISERICÓRDIA - VÍDEOS






"Quando rezarem este Terço junto aos agonizantes, Eu me colocarei entre o Pai e a alma agonizante, não como justo Juiz, mas como Salvador misericordioso".

JESUS, EU CONFIO EM VÓS!!!

Oração do Angelus - Padre Antonello - VÍDEO


LITURGIA DAS HORAS

Clique no ícone abaixo
para acesso à Hora Canônica

Mensagens diárias prá vc

Terço - Mistérios Dolorosos - Terça-feira e Sexta-Feira.


Terço do Rosário: Mistérios Dolorosos




São Remígio ou Rémy - 01 de Outubro

São Remígio ou Rémy
440-533
Rémy ou Remígio, como dizemos em português, era um cidadão romano, nascido no ano 440, em Lyon, França. Pertencia a uma tradicional família da nobreza romana, que teve a oportunidade de participar da expansão do Império Romano do Ocidente pela Gália, como era chamado o território francês. Naquela época, a região, que era toda pagã e constantemente assolada por sucessivas invasões dos bárbaros, vinha sendo governada pelo povo franco, mais tarde conhecido como francês. Embora menos evoluídos que os outros povos, eram conhecidos por serem grandes combatentes. Além disso, já haviam prestado serviços militares a Roma no passado.

FRASES DE SANTA TERESINHA DO MENINO JESUS



Santa Teresinha do Menino Jesus - 01 de Outubro




Santa Teresinha do Menino Jesus intercessora dos missionários sacerdotes

“Não quero ser santa pela metade, escolho tudo”.
A santa de hoje nasceu em Alençon (França) em 1873 e morreu no ano de 1897. Santa Teresinha não só descobriu que no coração da Igreja sua vocação era o amor, como também sabia que o seu coração – e o de todos nós – foi feito para amar. Nascida de família modesta e temente a Deus, seus pais (Luís e Zélia) tiveram oito filhos antes da caçula Teresa: quatro morreram com pouca idade, restando em vida as quatro irmãs da santa (Maria, Paulina, Leônia e Celina). Teresinha entrou com 15 anos no Mosteiro das Carmelitas em Lisieux, com a autorização do Papa Leão XIII. Sua vida se passou na humildade, simplicidade e confiança plena em Deus.

HOMÍLIA DIÁRIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 01/10/2013

1 de Outubro de 2013

Ano C


LC 9,51-56

Comentário do Evangelho

Viu a cidade e chorou sobre ela.

O versículo 51 do capítulo 9 é o início da seção central do evangelho segundo Lucas. Trata-se de um versículo importante, pois ele dá o sentido da subida de Jesus para Jerusalém. A melhor tradução do v. 51, a nosso ver, é a seguinte: “Tendo chegado o tempo em que ia ser arrebatado, ele endureceu a sua face para caminhar para Jerusalém”. A expressão “endurecer a face” tem um sentido de julgamento (Is 50,7; Jr 3,12; 21,20), especialmente como se encontra em Ezequiel (6,2; 13,17; 20,46; 21,2). Em outras passagens do seu evangelho, Lucas utiliza Ezequiel (Lc 19,41-44; 21,20-24; e Ez 4,1-3; 21,6-12.22). Certamente é do texto grego de Ezequiel que Lucas tira a expressão do versículo 51. A passagem de Ezequiel na qual, muito provavelmente, Lucas se inspirou é Ez 21,2-7. Tanto num como noutro livro, o “endurecimento da face” está referido a Jerusalém. Como Ezequiel sofreu e disse uma palavra de julgamento contra Jerusalém e seus santuários, do mesmo modo Jesus vai fazê-lo ao chegar próximo da cidade santa: “Como estivesse perto, viu a cidade e chorou sobre ela, dizendo: ‘Ah! Se neste dia também tu conhecesses a mensagem de paz!’” (Lc 19,41-44; Ez 21,2-6). Jesus vai a Jerusalém para julgá-la!

Vivendo a Palavra

Como nós, também os apóstolos ainda tinham muito a aprender. E Jesus, que caminhava pela derradeira vez para a Cidade Santa, onde seria crucificado, transborda sua mansidão e ensina o que é o Amor – o seu Amor: devemos amar não apenas os amigos, mas também os diferentes, até os inimigos que não nos quiserem receber.

Reflexão

A mentalidade dos homens é bem diferente da mentalidade de Deus e o Evangelho de hoje nos mostra muito bem essa verdade. Deus não abandona o homem ao poder do pecado e da morte, mas vem em seu socorro através do seu próprio Filho que, com sua morte, destrói o pecado e a morte, e conquista para todos nós a vida. Os apóstolos agem de maneira completamente diferente. Diante da resistência do povo da Samaria em receber Jesus, querem que caia fogo do céu e devore a todos. Os homens querem punição e morte, enquanto Deus quer misericórdia e vida.

Meditação

Ao querer evangelizar alguém, será que não corremos o risco de ser insistente demais perturbando em vez de demonstrar amor verdadeiro? --e que o respeito deve estar acima de tudo? perturbando em vez de demonstrar amor verdadeiro? Lembra-se que o respeito deve estar acima de tudo? - Comente o dito popular: “Pega-se mais mosca com uma gota de mel que com um barril de vinagre!” - Lembra-se que Deus não força ninguém, não castiga, não obriga? - Acha difícil demais seguir o Evangelho?
Padre Geraldo Rodrigues, C.Ss.R

REFLEXÕES DE HOJE


01 DE OUTUBRO - TERÇA


Liturgia comentada

Fogo do céu... (Lc 9,51-56)
A memória religiosa dos hebreus registra alguns exemplos não muito edificantes. O “zelo furioso” do profeta Elias é um desses casos. Seu remédio para a idolatria dos adoradores de Baal foi passar a fio de espada 450 profetas daquela divindade cananeia (cf. 1Rs 19). Para acabar com o pecado, acaba-se com o pecador...
Nada mais estranho aos projetos de Deus, que “não se compraz com a morte do pecador, mas antes com a sua conversão, de modo que tenha a vida” (cf. Ez 33,11). É difícil separar o zelo pela ortodoxia de algum impulso de odiosa intolerância.
O episódio do Evangelho de hoje deve ser situado no contexto da secular inimizade entre judeus e samaritanos, existente desde o repovoamento da Palestina no Séc. VIII a.C. Os samaritanos eram mal vistos por seu sincretismo religioso e práticas supersticiosas, além de “competirem” com o culto de Jerusalém, construindo um Templo rival no Monte Garizim.
Natural que também reagissem com sentimentos similares. Há o registro histórico de uma incursão de samaritanos em Jerusalém, na véspera da Páscoa, para jogar a carcaça de um cachorro sobre os muros do Templo, tornando o local ritualmente impuro e impedindo a celebração pascal.
Assim, quando perceberam que Jesus e seu grupo iam para Jerusalém, os aldeões de Samaria lhes recusaram pousada. Inflamados, dois discípulos se oferecem a Jesus para invocarem o fogo do céu sobre os “inimigos”. O Mestre não só os repreendeu, mas, daquele dia em diante, com boa dose de humor, passou a chamar Tiago e João de “Boanerges”, isto é, “filhos do trovão” (cf. Mc 3,17).
Ainda hoje, com todo o nosso (pós)modernismo, temos discípulos de Elias, Boanerges do 3º milênio. Falo de cristãos que se sentem em permanente combate contra outras Igrejas ou denominações religiosas. Assumindo uma reação de defesa, sofrem ao terem notícia do crescimento de outros grupos e mostram-se avessos a todo tipo de diálogo e convivência. Claro que não seria esta a atitude de Jesus, se vivesse hoje entre nós...
Ah! O fogo do amor seria bem mais apropriado que o fogo do céu!
Orai sem cessar: “Que todos sejam um, Pai, como estás em mim e eu em ti.”  (Jo 17,21)
Texto de  Antônio Carlos Santini, da Comunidade Católica Nova Aliança.
santini@novaalianca.com.br
Viva o amor em tudo aquilo que faz
Que Santa Teresinha nos ajude a viver as pequenas coisas do cotidiano e a simplicidade de vida. E a melhor maneira é vivendo o amor em tudo aquilo que fazemos.
“’Senhor, queres que mandemos descer fogo do céu para destruí-los?’ Jesus, porém, voltou-se e repreendeu-os. E partiram para outro povoado” (Lc 9,54-56).
Hoje, celebramos o início do mês de outubro. No primeiro dia deste mês, temos a graça de celebrar Santa Teresinha do Menino Jesus. Essa jovem carmelita desde menina quis consagrar sua vida a Deus e tinha um grande sonho de ser missionária, anunciar o amor do Senhor em todos os cantos da Terra. Ela tinha um anseio, um desejo ardente de proclamar o amor divino em todos os corações. Mas pensou: ‘Como poderei fazer isso, como poderei estar em todos os lugares para anunciar o Evangelho?’.
Quando ela abriu a Carta de São Paulo aos Corintios, no capítulo13, sobre o amor, ela entendeu que para viver a intensidade da sua vocação ela precisava amar, e que o amor encerra em si todas as vocações. Para quem desejava ser tudo, precisava viver intensamente uma única coisa: a intensidade do amor de Deus na sua vida.
Santa Teresinha viveu até os 24 anos de vida, quando deu sua vida a Deus no Carmelo. Como carmelita ela viveu para se consumir pelas missões, pela oração, pelos sacrifícios; oferecendo sua vida pelo sacerdotes, pelos missionários, por aqueles que se dedicavam a pregar a causa pelo Evangelho.
Vivendo dessa forma, amando cada missionário, amando a sua vocação, amando suas coirmãs, ela entendeu que seria uma grande missionária. Por isso, a Igreja a reconhece como doutora e padroeira das missões. Terezinha é aquela que, nas pequenas coisas, sobreviveu à grandiosidade do amor de Deus.
Nós queremos, hoje, pedir ao Senhor a graça e a intercessão de Santa Teresinha do Menino Jesus, a fim de que ela nos ajude a viver as pequenas coisas do cotidiano, a viver a simplicidade de vida, que ela nos ajude a nos empenharmos pela missão da Igreja de anunciar o Evangelho a todos os cantos do mundo. A melhor maneira de viver isso é vivendo o amor em tudo aquilo que fazemos.
Santa Teresinha do Menino Jesus, rogai por nós, rogai pela Igreja, rogai pelas missões!
Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.Facebook Twitter
LEITURA ORANTE

Lc 9,51-56 - Não quiseram receber Jesus


"Não quiseram receber Jesus"

Preparo-me para a Leitura Orante, rezando com todos os que circulam pela web:
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.
Espírito Santo
que procede do Pai e do Filho,
tu estás em mim, falas em mim,
rezas em mim, ages em mim.
Ensina-me a fazer espaço à tua Palavra,
à tua oração,
à tua ação em mim
para que eu possa conhecer
o mistério da vontade do Pai.
Amém. 
Sigo os seguintes passos:

1. Leitura (Verdade) 
O que a Palavra diz?
 
Volto o meu olhar para Deus, através da Palavra.Olho para Jesus, se possível, num crucifixo. Escuto o que Ele me diz: "Aprendei de mim"(Mt 11,29). Com a disposição de aprender do Mestre, faço na minha Bíblia, a leitura lenta e atenta do texto da Palavra do dia: Lc 9,51-56.
Como estava chegando o tempo de Jesus ir para o céu, ele resolveu ir para Jerusalém. Então mandou que alguns mensageiros fossem na frente. No caminho eles entraram em um povoado da região de Samaria a fim de prepararem um lugar para ele. Mas os moradores dali não quiseram receber Jesus porque viram que ele estava indo para Jerusalém. Quando os seus discípulos Tiago e João viram isso, disseram:
- O senhor quer que a gente mande descer fogo do céu para acabar com estas pessoas?
Porém Jesus, virando-se para eles, os repreendeu. Então ele e os seus discípulos foram para outro povoado.

Em um momento de silêncio interior, recordo o que li.
O texto diz que "estava chegando o tempo de Jesus ir para o céu". Seguia para Jerusalém. Esta viagem começa com certa solenidade, mandando alguém à frente para preparar, com certeza, alojamento, espaço para encontro com as pessoas. No entanto, ao passar por um povoado da Samaria, Jesus não foi acolhido, não quiseram recebê-lo. Esta rejeição estava fundamentada em antigas mágoas dos samaritanos contra os judeus. Isto despertou revolta em Tiago e João que queriam logo acabar com aquela gente. Jesus os repreendeu e seguiu para outro povoado. O Mestre ensina que é preciso dar tempo para a conversão. Saber eseprar o momento da abertura, do perdão, da reconciliação, do encontro.

2. Meditação(Caminho)
O que a Palavra diz para mim?
Sob a luz da verdade que acolhi, respondo aos apelos e convites de Jesus Mestre. Atualizo e medito a Palavra, ligando-a à minha vida. E posso me perguntar: a impaciência dos apóstolos não é minha também, muitas vezes? Os bispos, em Aparecida, falaram também de de propostas para conduzir as pessoas ao encontro de Jesus: "A iniciação cristã, que inclui o querigma, é a maneira prática de colocar alguém em contato com Jesus Cristo e iniciá-lo no discipulado.(...)Sentimos a urgência de desenvolver em nossas comunidades um processo de iniciação na vida cristã que comece pelo querigma que guiado pela Palavra de Deus, que conduza a um encontro pessoal, cada vez maior, com Jesus Cristo, perfeito Deus e perfeito homem, experimentado como plenitude da humanidade e que leve à conversão, ao seguimento em uma comunidade eclesial e a um amadurecimento de fé na prática dos sacramentos, do serviço e da missão." (DAp 288 e 289).

3. Oração(Vida)
O que a Palavra me leva a dizer a Deus?
Meu coração já está em sintonia com o coração de Jesus. Vivo este momento em silêncio. E oro:
Senhor Jesus, eu creio que estou na tua presença
e te adoro profundamente.
Ilumina a minha inteligência e fortifica a minha vontade,
de modo que a minha vida seja, aos poucos,
transformada pelo encontro contigo.
Liberta-me de tantas coisas que me oprimem,
ensina-me a evitar a dispersão 
em muitos interesses superficiais;
ajuda-me na busca contínua da tua vontade.
Espírito Santo, cria em mim um coração novo,
capaz de amar todas as pessoas.
Que a minha oração seja sustentada
pela intercessão de Maria, Mãe da Igreja
e modelo de disponibilidade à voz de Deus.
Amém.

4. Contemplação(Vida)
Qual o novo olhar que a Palavra despertou em mim?
 
São Paulo diz: "É Cristo que vive em mim" (Gl 2,20). E Cristo diz: "Eu sou a luz do mundo"( Jo 8,12) e "Vocês são a luz do mundo" (Mt 5,14).
Passarei o dia a olhar todas as pessoas, rezando com o apóstolo Paulo:
"Ao visitá-las, levo para vocês muitas bênçãos de Cristo". (Rm 15,29).

Bênção Bíblica
O Senhor o abençoe e guarde! 
O Senhor lhe mostre seu rosto brilhante e tenha piedade de você! 
O Senhor lhe mostre seu rosto e lhe conceda a paz!’ (Nm 6,24-27).
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Ir. Patrícia Silva, fsp
Oração Final
Pai Santo, nós somos tentados a revidar ofensas recebidas, a julgar e condenar nosso próximo. Envia, Pai amado, o teu Espírito sobre nós, que somos a tua Igreja nesta terra, para que sejamos capazes do Amor – Amar como amou Jesus, o Cristo teu Filho Unigênito que se fez nosso Irmão e contigo reina na unidade do Espírito Santo.

LITURGIA DIÁRIA 01/10/2013




Tema do Dia

«Queres que mandemos fogo para acabar com eles?»

A primeira parte da profecia de Zacarias – que vai até o capítulo 8 – foi escrita e reflete as expectativas do povo logo após a volta do exílio: Jerusalém será procurada por numerosos povos, que para ali afluirão a fim de aplacar a ira do Senhor.

Oração para antes de ler a Bíblia


 Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda
e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame
 e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por
 todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores
se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos
a vida eterna. Amém.

Santa Teresinha do Menino Jesus
Branco - 3ª-feira da 26ª Semana Tempo Comum


Primeira Leitura (ZC 8,20-23)
Santa Teresinha do Menino Jesus
Terça-feira 01/10/13

Leitura da Profecia de Zacarias.

20Isto diz o Senhor dos exércitos: Virão ainda povos e habitantes de cidades grandes,21dizendo os habitantes de uma para os de outra cidade: ‘Vamos orar na presença do Senhor, vamos visitar o Senhor dos exércitos; eu irei também’. 22Virão muitos povos e nações fortes visitar o Senhor dos exércitos e orar na presença do Senhor. 23Isto diz o Senhor dos exércitos: Naqueles dias, dez homens de todas as línguas faladas entre as nações vão segurar pelas bordas da roupa um homem de Judá, dizendo: ‘Nós iremos convosco; porque ouvimos dizer que Deus está convosco’.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (SL 86)
Santa Teresinha do Menino Jesus
Terça-feira 01/10/13

— Nós temos ouvido que Deus está convosco.
— Nós temos ouvido que Deus está convosco.

— O Senhor ama a cidade que fundou no Monte santo; ama as portas de Sião mais que as casas de Jacó. Dizem coisas gloriosas da Cidade do Senhor.
— “Lembro o Egito e Babilônia entre os meus veneradores. Na Filisteia ou em Tiro ou no país da Etiópia, este ou aquele ali nasceu”. De Sião, porém, se diz: “Nasceu nela todo homem; Deus é sua segurança”.
— Deus anota no seu livro, onde inscreve os povos todos: “Foi ali que estes nasceram”. E por isso todos juntos a cantar se alegrarão; e, dançando, exclamarão: “Estão em ti as nossas fontes!”


Evangelho (LC 9,51-56)
Santa Teresinha do Menino Jesus
Terça-feira 01/10/13


Os samaritanos não receberam Jesus


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

51Estava chegando o tempo de Jesus ser levado para o céu. Então ele tomou a firme decisão de partir para Jerusalém 52e enviou mensageiros à sua frente. Estes puseram-se a caminho e entraram num povoado de samaritanos, a fim de preparar hospedagem para Jesus. 53Mas os samaritanos não o receberam, pois Jesus dava a impressão de que ia a Jerusalém54Vendo isso, os discípulos Tiago e João disseram: “Senhor, queres que mandemos descer fogo do céu para destruí-los?”
55Jesus, porém, voltou-se e repreendeu-os. 56E partiram para outro povoado.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.


Oração para depois de ler a blia


Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações
que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los  em prática.
Minha Mãe Imaculada, meu protetor São José e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém