domingo, 16 de dezembro de 2012

Terço de Cura e Libertação - VÍDEO

TERÇO DA MISERICÓRDIA - VÍDEOS




JESUS, EU CONFIO EM VÓS!!!

Angelus - Oração do meio dia


"Angelus" 
 Oração do meio dia

V. O Anjo do Senhor anunciou a Maria.
R. E Ela concebeu do Espírito Santo.
Ave Maria…
V. Eis a escrava do Senhor.
R. Faça-se em mim segundo a Vossa Palavra.
Ave Maria…
V. E o Verbo divino encarnou.
R. E habitou no meio de nós.
Ave Maria…
V. Rogai por nós Santa Mãe de Deus.
R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Oremos
Infundi, Senhor, como Vos pedimos, a Vossa graça nas nossas almas, para que nós, que pela Anunciação do Anjo conhecemos a Encarnação de Cristo, Vosso Filho, pela sua Paixão e Morte na Cruz, sejamos conduzidos à glória da ressurreição. Por Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amém.


LITURGIA DAS HORAS


LITURGIA DAS HORAS

Terço - Mistério Gozosos - Segunda-Feira e Sábado


Terço do Rosário: Mistérios Gozosos   


 

São José Manyanet y Vives - 17 de dezembro

São José Manyanet y Vives
1833-190

Fundou as Congregações:
Filhos da Sagrada Família Jesus,
Maria e José, e a Congregação
das Missionárias Filhas da
Sagrada Família de Nazaré
José Manyanet y Vives nasceu, em 7 de janeiro de 1833, no seio de uma família numerosa e cristã, em Tremp, Lleida, Espanha. Inteligente, mas pobre, para completar os seus estudos secundários teve de trabalhar na Escola Pia de Barbastro, e os eclesiásticos completou nos seminários diocesanos de Lleida e Urgell. Foi ordenado sacerdote em 1859.

A preocupação com a formação moral e cristã das famílias era, sem dúvida, sua motivação maior. Sua grande aspiração era que "todas as famílias imitassem e bendizessem a Sagrada Família de Nazaré"; por isso queria formar "uma Nazaré em cada lar", fazer de cada família uma "Santa Família". Após anos de intenso trabalho na diocese de Urgell, a serviço do bispo, quando já ocupava o cargo de secretário de visita pastoral, sentiu-se chamado por Deus para fundar duas congregações religiosas. 

Santa Olímpia - 17 de dezembro

Santa Olímpia
361-408
Ao ficar viúva do governador de Constantinopla, Olímpia recebeu muitas propostas para um novo casamento, mas recusou todas porque queria entregar-se à vida religiosa. A sua insistente recusa motivou, mesmo, o confisco de todos os seus bens.

São João da Mata - 17 de dezembro

São João da Mata
1152-1213

Fundou a Ordem
dos Trinitários
A missão de salvar cristãos prisioneiros dos turcos foi mostrada a João da Mata em uma visão que teve ao celebrar logo a sua primeira missa. Essa foi a motivação que tornou possível a Ordem da Santíssima Trindade e da Redenção dos cativos, ou somente Padres Trinitários, como são conhecidos, que tinha como objetivo resgatar cristãos presos e mantidos como escravos pelos inimigos muçulmanos. Nessa época, o Império Otomano, dos turcos muçulmanos, dominava aquelas regiões.

São Lázaro - 17 de Dezembro


São LázaroA Igreja, neste tempo do Advento, se prepara para celebrar o aniversário de Jesus e se renova no desejo ardente de que Cristo venha pela segunda vez e instaure aqui o Reino de Deus em plenitude. Sem dúvida estão garantidos para este reinado pleno, que acontecerá em breve, os amigos do Senhor.

Hoje vamos lembrar um destes amigos de Cristo: São Lázaro. Sua residência ficava perto de Jerusalém, numa aldeia da Judéia chamada Bethânia. Era irmão de Marta e de Maria. Sabemos pelo Evangelho que Lázaro era tão amigo de Jesus que sua casa serviu muitas vezes de hospedaria para o Mestre e para os apóstolos.

HOMÍLIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 17/12/2012

17 de Dezembro de 2012 

Ano C

 

Mateus 1,1-17

Comentário do Evangelho

Jesus é o messias esperado

As genealogias eram uma forma literária usada no Primeiro Testamento para confirmar a vinculação de uma ou mais personagens de destaque a uma linhagem que recebeu as promessas divinas. Estas promessas, no texto bíblico, foram feitas aos patriarcas e a Davi. Esta última aparece na profecia de Natã, elaborada entre teólogos da corte real. 
A genealogia de Mateus, tratada teologicamente, divide-se em três períodos da história de Israel e de Judá: período dos patriarcas e dos clãs tribais, de Abraão até Davi; período da realeza e dinastia davídica, em Judá, de Davi até o exílio; e período do surgimento e consolidação do judaísmo, do exílio até Jesus. Por sua genealogia, Mateus quer demonstrar aos judeo-cristãos que, através de José que o acolhe, Jesus é o messias esperado pelo judaísmo. 

José Raimundo Oliva

http://www.paulinas.org.br/diafeliz/evangelho.aspx

Reflexão

A vinda de Jesus ao mundo foi precedida de uma história: a história do povo de Israel, que tem o seu início com Abraão, desenvolve-se até atingir o seu apogeu com o Rei Davi, depois entra em declínio até atingir o seu ponto mais baixo com Josias e o exílio da Babilônia, para depois evoluir até chegar à plenitude dos tempos com a Jesus, Deus presente e atuante na história dos homens, que vai ser a realização da promessa a Abraão que nele serão abençoadas todas as nações da terra e a salvação chega para todos os povos com a libertação do pecado e da morte e a presença do próprio Deus na vida de todos nós.

http://www.cnbb.org.br/liturgia/app/user/user/UserView.php?ano=2012&mes=12&dia=17

COMENTÁRIOS DO EVANGELHO

FAÇA UMA DOAÇÃO AO NPDBRASIL...

1. "A genealogia do Mestre"
(O comentário do Evangelho abaixo é feito pelo Diácono José da Cruz - Diácono da Paróquia Nossa Senhora Consolata – Votorantim – SP)

___São Mateus, o Senhor poderia nos ajudar na reflexão desse evangelho sobre a Genealogia de Jesus? Trata-se de uma lista numerosa de pessoas, e n o final termina em Jesus Cristo...Por que ?
Mateus _____Vocês sabem que escrevi meu evangelho para os conterrâneos e eles gostam das coisas muito bem explicadas...
___Então São Mateus, comecemos por aí: Sua lista é encabeçada pelo Patriarca Abraão.....
Mateus ____Claro,  pois o nosso povo de Israel surgiu e se desenvolveu com o Patriarcado iniciado por Abraão, o Pai da Nossa Fé. Jesus pertence ao Povo de Israel, é um Judeu plenamente, na cultura e na mente. O homem oriental preza muito os da sua raça...
____Então, primeiramente eles constataram que Jesus era da “Terrinha”, compatriota de todos eles, um Judeu da “gema” como poderíamos dizer....
Mateus ____Isso mesmo! Nesta lista, os patriarcas, os Juizes e Reis, são muito importantes .Jesus tem uma identidade nacional e religiosa isso é, tem uma raiz no meio dos homens, ele não caiu de paraquedas lá de cima....
____Mas São Mateus, até aí tudo beleza...só que tem uma coisa, nesta lista há pessoas que não tinham nada de santas e perfeitas, veja o Senhor a história do Rei Davi, da mulher chamada Raabe, só para dar um exemplo.
Mateus _____  É verdade, nessa lista tem prostitutas, infiéis, adúlteros, e o mais bonito é que Jesus não nega sua raça. Ao fechar os Cânones Bíblicos, a Santa Igreja poderia tirar todas essas histórias de testemunhos contraditórios da Genealogia de Jesus, mas as manteve por uma razão bem simples : mostrar que a Salvação que chegou com Jesus Cristo, é o mais puro Dom Divino, ela nunca dependeu e nem vai depender, da correspondência do Ser humano, da sua perfeição moral e práticas religiosas.
____Puxa vida, nunca eu tinha olhado por este lado, achava esse evangelho complicado para se refletir....Veja só que riqueza há nele.
São Mateus ___Mas não é só isso. Meus compatriotas tinham um pé atrás com Jesus de Nazaré, porque esperavam a realização das promessas feitas ao Patriarca e que depois foi sendo renovada, até chegar a plenitude dos tempos. Seguindo essa linha de pensamento, o evangelho confirma que, em Jesus todas essas promessas se cumpriram de maneira perfeita, mostrando a Fidelidade de Deus á Aliança estabelecida.

2. Jesus é o messias esperado
(O comentário do Evangelho abaixo é feito por José Raimundo Oliva - e disponibilizado no Portal Paulinas)
VIDE ACIMA
Oração

Pai, que a presença de teu Filho Jesus, na História, leve à plenitude a obra de tua criação, fazendo desabrochar, em cada coração humano, o amor para o qual foi criado.


3. A CRIAÇÃO CONSUMADA
(O comentário do Evangelho abaixo é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado no Portal Dom Total a cada mês).

O longo elenco genealógico forjado pelo evangelista para explicitar a linhagem davídica de Jesus – filho de Davi –, esconde, em suas entrelinhas, um rico filão teológico. Uma de suas vertentes é o tema da criação levada à sua plenitude com a irrupção de Jesus na história humana. A genealogia pretende ser uma releitura do Gênesis e não o resultado de uma pesquisa minuciosa a respeito dos antepassados do Messias.

O cabeçalho da genealogia é introduzido pela expressão "livro do gênesis de Jesus Cristo". Tudo nela gira em torno do verbo "gerar", dar vida, trazer à existência, encaminhando-se para a geração de Jesus, como ponto para onde converge todo o dinamismo da História. Nele as gerações chegam a termo. Não se dirá "Jesus gerou ...", por se constituir o definitivo ponto de referência de tudo quanto existe.

O evangelista também serviu-se de uma rica simbologia numérica, em voga nos círculos rabínicos da época, para alcançar seu objetivo. O número quatorze multiplicado por três corresponde a quarenta e dois, ou seja, seis vezes sete. Na aritmética teológica hebraica, o número seis indicava imperfeição, carência. Ele corresponderia aos seis dias da criação. Competia ao Messias Jesus inaugurar o sétimo dia para levar a criação à plenitude.

Na concepção de Jesus, a presença do Espírito Santo, comparável ao vento que soprava sobre as águas por ocasião do primeiro gênesis, completa o simbolismo: em Jesus tem início a criação nova e verdadeira. É a criação consumada!
Oração
Pai, que a presença de teu Filho Jesus, na História, leve à plenitude a obra de tua criação, fazendo desabrochar, em cada coração humano, o amor para o qual foi criado.

http://www.npdbrasil.com.br/religiao/evangelho_do_dia_semana.htm#d2

Jesus se fez humano para que o humano se fizesse divino


Postado por: homilia

dezembro 17th, 2012


Irmãos, a criação está consumada. Preparemo-nos para a chegada d’Aquele que vem a nós cheio de amor. Ele vem para nos salvar, para que sejamos transformados, tornemo-nos límpidos, transparentes e cheios de vida.
O desejo de Deus há de se realizar um dia, pois ainda não somos tudo o que Ele deseja e espera de nós. Para que Lhe correspondamos, o Senhor se dignou a nos enviar Seu próprio Filho, que se fez homem igual a nós, menos no pecado.
O Antigo Testamento converge para dois temas ideológicos principais: a afirmação de um ramo da descendência de Abraão, como povo divinamente eleito e a preeminência de Davi como piedoso e poderoso rei modelar. O judaísmo, surgido entre as elites exiladas na Babilônia e consolidado no retorno do exílio, recorre às elaborações genealógicas para afirmar-se como abraâmico e davídico. As genealogias foram utilizadas também para reivindicar pertença a estirpes sacerdotais originárias de Aarão e para identificar vocações messiânicas.
Mateus, dirigindo-se a comunidades de cristãos convertidos do judaísmo, insiste em vincular Jesus às suas antigas tradições, para convencê-los de que, n’Ele, realizavam-se suas expectativas messiânicas.
Com esta intenção, Mateus inicia seu Evangelho com uma genealogia, em três blocos de sucessão: de Abraão a Davi, de Davi ao exílio, do exílio a José, “esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado o Cristo”. Contudo, fica aberto um espaço para a novidade: o menino que nasceu não é fruto de José, mas do Espírito Santo.
Portanto, a genealogia de Jesus mostra-nos que Ele assumiu por completo a natureza humana, e que a humanidade se preparou para recebê-Lo. Ele se fez humano para que o humano se fizesse divino. Agradeçamos a Deus pelo seu amor e misericórdia.
Padre Bantu Mendonça
http://blog.cancaonova.com/homilia/2012/12/17/
Leitura Orante 

Mt 1,1-17 - Jesus dentro da história



Com todos que se encontram neste ambiente virtual, iniciamos nossa Leitura Orante do Advento,

com a
Canção do Advento
Ó vem, Senhor, não tardes mais! 
Vem saciar nossa sede de Paz!
1.   Ó vem, como chega a brisa do vento, 
Trazendo aos pobres justiça e bom tempo!
2.   Ó vem, como chega a chuva no chão   
Trazendo fartura de vida e de pão!
3.   Ó vem, como chega a luz que faltou   
Só tua palavra nos salva Senhor!
4.   Ó vem, como chega a carta querida   
Bendito carteiro do Reino da Vida!
5.   Ó vem, como chega o filho esperado   
Caminha conosco Jesus Bem amado!
6.   Ó vem, como chega o Libertador   
Das mãos do inimigo nos salva Senhor
Veja a melodia desta canção neste blog, ao lado.
1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto, na minha Biblia: Mt 1,1-17.
Esta é a lista dos antepassados de Jesus Cristo, descendente de Davi, que era descendente de Abraão. 
Abraão foi pai de Isaque, Isaque foi pai de Jacó, e Jacó foi pai de Judá e dos seus irmãos. Judá foi pai de Peres e de Zera, e a mãe deles foi Tamar. Peres foi pai de Esrom, que foi pai de Arão. Arão foi pai de Aminadabe, que foi pai de Nasom, que foi pai de Salmom. Salmom foi pai de Boaz, e a mãe de Boaz foi Raabe. Boaz foi pai de Obede, e a mãe de Obede foi Rute. Obede foi pai de Jessé, que foi pai do rei Davi. 
Davi e a mulher que tinha sido esposa de Urias foram os pais de Salomão. Salomão foi pai de Roboão, que foi pai de Abias, que foi pai de Asa. Asa foi pai de Josafá, que foi pai de Jorão, que foi pai de Uzias. Uzias foi pai de Jotão, que foi pai de Acaz, que foi pai de Ezequias. Ezequias foi pai de Manassés, que foi pai de Amom, que foi pai de Josias. Josias foi pai de Jeconias e dos seus irmãos, no tempo em que os israelitas foram levados como prisioneiros para a Babilônia. 
Depois que o povo foi levado para a Babilônia, Jeconias foi pai de Salatiel, que foi pai de Zorobabel. Zorobabel foi pai de Abiúde, que foi pai de Eliaquim, que foi pai de Azor. Azor foi pai de Sadoque, que foi pai de Aquim, que foi pai de Eliúde. Eliúde foi pai de Eleazar, que foi pai de Matã, que foi pai de Jacó. Jacó foi pai de José, marido de Maria, e ela foi a mãe de Jesus, chamado Messias. 
Assim, houve quatorze gerações desde Abraão até Davi, e quatorze, desde Davi até que os israelitas foram levados para a Babilônia. Daí até o nascimento do Messias, também houve quatorze gerações.
Esta é a genealogia de Jesus ou, sua árvore genealógica. Faz parte também da sua identidade. O objetivo da descrição de Mateus é apresentar Jesus inserido dentro da história humana que, com sua vinda, enviado pelo Pai, se torna história de salvação. Entre tantos nomes, encontramos também pessoas cuja vida não era recomendável, gente não muito justa no trato com os demais. É no meio desta gente que Jesus nasce e vive, como um grande dom do Pai para a salvação de todos.
2. Meditação (Caminho) 
O que o texto diz para mim, hoje?
Cabe recordar aqui, as palavras do Papa Bento XVI na abertura da V Conferência dos bispos da América Latina e do Caribe: “Comuniquem por toda parte, transbordando de gratidão e alegria, o dom do encontro com Jesus Cristo. Não temos outro tesouro a não ser este. Não temos outra felicidade nem outra prioridade senão a de sermos instrumentos do Espírito de Deus na Igreja, para que Jesus Cristo seja encontrado, seguido, amado, adorado, anunciado e comunicado a todos, não obstante todas as dificuldades e resistências. Este é o melhor serviço – seu serviço! – que a Igreja tem que oferecer às pessoas e nações”. (DAp 14).
3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus? 
Rezo, espontaneamente, com salmos ou outras orações e concluo com a canção “Daqui quero iluminar”, Pe. Zezinho:
Daqui deste sacrário quero iluminar
quero ver vocês a me levar
Não tenham medo
Eu lhes direi o que dizer
Iluminador eu sou
Mensageiros e mensageiras
anjos de um tempo singular
Quero ver vocês entre o povo
E levando o meu povo a pensar
Vivam em contínua conversão
E não há de lhes faltar poder
Não há de lhes faltar poder
Não há de lhes faltar unção.
 
CD Cuida bem da Palavra, Paulinas/COMEP
4.Contemplação (Vida e Missão) 
Qual meu novo olhar a partir da Palavra?
 
Meu novo olhar é de busca e acolhimento do Dom de Deus para cada instante do meu dia.
Bênção natalina 
Jesus Menino coloque sobre tua cabeça 
a sua mãozinha e derrame sobre ti
 
a sua luz, conforto e alegria.
 
Amém!

(bem-aventurado Alberione) 
- Faça individualmente e partilhe com sua família, com seu grupo ou comunidade, o 
Retiro de Advento e Natal. Veja em 
http://viverecomunicarcristo.blogspot.com

Irmã Patrícia Silva, fsp
http://leituraorantedapalavra.blogspot.com.br/

http://www.paulinas.org.br/diafeliz/evangelho.aspx

LITURGIA DIÁRIA - 17/12/2012




Oração para antes de ler a Bíblia

orkut e hi5, Religiosos, palavras do Senhor Jesus, imagens de biblia, recados de Jesus, gifs de religião para orkut

Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda 

e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame

 e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por

 todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores

se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos 

a vida eterna. Amém.


Roxo. ÚLTIMOS DIAS ANTES DO NATAL - 17-12 Advento


Primeira leitura (Gênesis 49,2.8-10)
Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2012 
17 de Dezembro

Leitura do Livro do Gênesis. 

Naqueles dias, 2Jacó chamou seus filhos e disse: “Juntai-vos e ouvi, filhos de Jacó, ouvi Israel, vosso pai! 8Judá, teus irmãos te louvarão; pesará tua mão sobre a nuca de teus inimigos, prostrar-se-ão diante de ti os filhos de teu pai. 9Judá, filhote de leão: subiste, meu filho, da pilhagem; ele se agacha e se deita como um leão, e como uma leoa; quem o despertará?
10O cetro não será tirado de Judá, nem o bastão de comando dentre seus pés, até que venha Aquele a quem pertencem, e a quem obedecerão os povos”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Salmo (Salmos 71)
Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2012 
17 de Dezembro

— Nos seus dias a justiça florirá e paz em abundância para sempre.
— Nos seus dias a justiça florirá e paz em abundância, para sempre.

— Dai ao Rei vossos poderes, Senhor Deus, vossa justiça ao descendente da realeza! Com justiça ele governe o vosso povo, com equidade ele julgue os vossos pobres.
— Das montanhas venha a paz a todo o povo, e desça das colinas a justiça! Este Rei defenderá os que são pobres, os filhos dos humildes salvará.
— Nos seus dias a justiça florirá e grande paz, até que a lua perca o brilho! De mar a mar estenderá o seu domínio, e desde o rio até os confins de toda a terra!
— Seja bendito o seu nome para sempre! E que dure como o sol sua memória! Todos os povos serão nele abençoados, todas as gentes cantarão o seu louvor!


Evangelho (Mateus 1,1-17)
Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2012 
17 de Dezembro



Genealogia de Jesus

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

1Livro da origem de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão. 2Abraão gerou Isaac; Isaac gerou Jacó; Jacó gerou Judá e seus irmãos. 3Judá gerou Farés e Zara, cuja mãe era Tamar. Farés gerou Esrom; Esrom gerou Aram; 4Aram gerou Aminadab; Aminadab gerou Naasson; Naasson gerou Salmon; 5Salmon gerou Booz, cuja mãe era Raab. Booz gerou Obed, cuja mãe era Rute. Obed gerou Jessé. 6Jessé gerou o rei Davi.
Davi gerou Salomão, daquela que tinha sido mulher de Urias. 7Salomão gerou Roboão; Roboão gerou Abias; Abias gerou Asa; 8Asa gerou Josafá; Josafá gerou Jorão. Jorão gerou Ozias; 9Ozias gerou Jotão; Jotão gerou Acaz; Acaz gerou Ezequias; 10Ezequias gerou Manassés; Manassés gerou Amon; Amon gerou Josias. 11Josias gerou Jeconias e seus irmãos, no tempo do exílio na Babilônia.
12Depois do exílio na Babilônia, Jeconias gerou Salatiel; Salatiel gerou Zorobabel;13Zorobabel gerou Abiud; Abiud gerou Eliaquim; Eliaquim gerou Azor; 14Azor gerou Sadoc; Sadoc gerou Aquim; Aquim gerou Eliud; 15Eliud gerou Eleazar; Eleazar gerou Matã; Matã gerou Jacó. 16Jacó gerou José, o esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado o Cristo. 17Assim, as gerações desde Abraão até Davi são catorze; de Davi até o exílio na Babilônia catorze; e do exílio na Babilônia até Cristo, catorze.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.


Oração para depois de ler a Bíblia

orkut e hi5, Religiosos, mensagem religiosa, imagem da biblia, recados de religião, scraps religioso para orkut

Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações
que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los  em prática. Minha Mãe Imaculada, meu protetor São José e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém.

FELIZ SEMANA

BOM DIA!

DESEJO À VOCÊ UMA ÓTIMA SEGUNDA-FEIRA!

Os bispos na Conferência de Aparecida, disseram: (DAp 257)



NOVENA DE NATAL - De 16 a 24 de Dezembro


PREPARAR O NATAL 

De 17 a 24 de Dezembro a Liturgia de Advento assume características particulares. A oito dias do Natal as leituras bíblicas apontam, com maior insistência, para o protagonista principal: Jesus. O Senhor está próximo!


FONTE: http://www.dehonianos.org/portal/biblioteca_dossier_ver.asp?dossierid=4

BOA NOITE!

Últimas Notícias »

Últimas Notícias »
FONTE: http://www.acidigital.com/