sexta-feira, 12 de junho de 2015

Boa Noite! "Caridade do Coração de Jesus, derramai-vos em meu coração."

MÊS DE JUNHO - DEDICADO AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS - A GRANDE REVELAÇÃO. - Sagrado Coração - Rinaldo e Samuel


A GRANDE REVELAÇÃO.

A chamada Grande Revelação foi feita a Margarida Maria durante a oitava da festa do Corpus Domini (Corpus Christi) de 1675.
Mostrando o seu Coração divino, Jesus confiou à Santa:
“Eis o Coração que tanto amou os homens, que nada poupou, até se esgotar e se consumir para lhes testemunhar seu amor. Como reconhecimento, não recebo da maior parte deles senão ingratidões, pelas suas irreverências, sacrilégios, e pela tibieza e desprezo que têm para comigo na Eucaristia. Entretanto, o que Me é mais sensível é que há corações consagrados que agem assim. Por isto te peço que a primeira sexta-feira após a oitava do Santíssimo Sacramento seja dedicada a uma festa particular para  honrar Meu Coração, comungando neste dia, e O reparando pelos insultos que recebeu durante o tempo em que foi exposto sobre os altares”.

Junho - Mês dos Sagrados Corações


O mês de junho é dedicado ao Sagrado Coração de Jesus. A devoção ao Sagrado Coração tem as suas origens na devoção popular e, sem dúvida, é uma das piedades mais difundidas e mais amada pelos fiéis.

Dia da semana: Sexta-feira - Dedicado a: Paixão de Cristo - Sagrado Coração de Jesus


MEDITE A VIA-SACRA





- Primeira Estação: Jesus é condenado à morte
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
- Segunda Estação: Jesus levando a cruz às costas.
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Terceira Estação: Jesus cai por terra
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Quarta Estação: Jesus encontra Maria Santíssima
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Quinta Estação: Jesus é ajudado por Cirineu
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Sexta Estação: Verônica enxuga a Face de Jesus
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Sétima Estação: Jesus cai pela segunda vez
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Oitava Estação: Jesus pede que as mulheres não chorem
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Nona Estação: Jesus cai pela terceira vez
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Décima Estação: Jesus é despido de suas vestes
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Décima Primeira Estação: Jesus é cravado na cruz
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Décima Segunda Estação: Jesus morre na cruz
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Décima Terceira Estação: Jesus é descido da cruz
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.
Décima Quarta Estação: Jesus é sepultado
Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.



O CORAÇÃO DE JESUS BATE FORTE POR VOCÊ!!

NINGUÉM TE AMA COMO EU!!!



TERÇOS – VÍDEOS


Acesse:

1  Terço da Divina Providência  http://youtu.be/5mzUbLl_P48

2 - Terço de Cura e Libertação - http://youtu.be/TWmZ47JoC0I

3 - Terço da FÉ - http://youtu.be/-I1tuBSDtkU

4 - Terço do Espírito Santo - http://youtu.be/BJqMkwQsOeQ

5 - Terço da Libertação Cantado - http://youtu.be/9ofE4VoEZPU

6 - Terço da Sagrada Face de Nosso Senhor Jesus Cristo - http://youtu.be/dr_BtsQtRvo

7 - Terço de São Bento - http://youtu.be/p-iD6TySLmY

8 - TERÇO DE CURA E LIBERTAÇÃO (PADRE JOÃOZINHO) - http://youtu.be/hUuaQk1ydWw

TERÇO DA MISERICÓRDIA - VÍDEOS - APRENDA A REZAR O TERÇO DA MISERICÓRDIA








"Quando rezarem este Terço junto aos agonizantes, Eu me colocarei entre o Pai e a alma agonizante, não como justo Juiz, mas como Salvador misericordioso".

JESUS, EU CONFIO EM VÓS!!!

APRENDA A REZAR O TERÇO DA MISERICÓRDIA



Para ser rezado nas contas do terço

No começo:


Pai nosso, que estais no céus, santificado seja o vosso nome; venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.


Ave, Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco; bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.


Creio em Deus Pai, todo poderoso, criador do Céu e da Terra; e em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor; que foi concebido pelo poder do Espírito Santo; nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; desceu à mansão dos mortos; ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, de onde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Creio no Espirito Santo, na santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna Amém.


Nas contas de Pai Nosso, dirás as seguintes palavras usando o terço de Maria:


Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e dos do mundo inteiro.


Nas contas de Ave Maria rezarás as seguintes palavras:


Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.


No fim, rezarás três vezes estas palavras:


Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro” 

(Diário, 476).

LITURGIA DAS HORAS

Clique no ícone abaixo
para acesso à Hora Canônica

Oração desta Hora

Oração do Angelus - Padre Antonello - VÍDEO - Como rezar o Ângelus






Como rezar o Ângelus:

1) O Anjo do Senhor anunciou a Maria
- E Ela concebeu pelo poder do Espírito Santo.
Ave Maria...

2) Eis aqui a serva do Senhor.

- Faça-se em Mim segundo a vossa palavra.
Ave Maria...

3) E o Verbo Divino se fez homem,

- e habitou entre nós.
Ave Maria...

4) Rogai por nós, Santa Mãe de Deus,

- para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos: Derramai ó Deus, a Vossa graça em nossos corações, para que, conhecendo pela mensagem do anjo a encarnação do Vosso filho, cheguemos por Sua Paixão e Cruz à glória da ressurreição. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.


Glória ao Pai... (repete-se 3 vezes)

Terço - Mistérios Dolorosos - Terça-feira e Sexta-Feira


Terço do Rosário: Mistérios Dolorosos





"Mediante o Rosário, o povo cristão aprende com Maria a contemplar a beleza do rosto de Cristo, e a experimentar a profundidade do seu amor."
São João Paulo II

HOMÍLIA DIÁRIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 12/06/2015

ANO B


Jo 19,31-37

Comentário do Evangelho

Da morte de Jesus Cristo brota a vida para todos

A cena do trecho do evangelho de hoje tem forte conotação simbólica que exprime o significado da morte de Jesus. Segundo Dt 21,22-23, o cadáver de um condenado suspenso na cruz não poderia permanecer assim durante a noite, pois contaminaria a terra santa. Com essa observação é dito o escândalo da cruz de Cristo, “loucura para os que se perdem” (1Cor 1,18). Transpassado pela lança do soldado, do seu lado aberto jorram sangue e água. Para nós, leitores do evangelho, esse fato, baseado numa testemunha ocular, é sinal, isto é, através da fé é desvelado o mistério profundo de Cristo e os seus efeitos para toda a humanidade. Do lado aberto de Jesus Cristo crucificado brotam os sacramentos da Igreja: a eucaristia e o batismo. Através dos sacramentos o Senhor continua presente e atuante na vida do seu povo. O cordeiro pascal imolado e suspenso no madeiro da cruz se oferece ao olhar, isto é, à compreensão profunda do mistério de Cristo em vista da fé, de uma adesão pessoal e incondicional à sua pessoa. Da morte de Jesus Cristo brota a vida para todos.
Pe. Carlos Alberto Contieri
Oração
Senhor Jesus, que a água e o sangue, jorrados de teu coração transpassado, revigorem o amor e a fidelidade que estão no meu coração.
http://www.paulinas.org.br/diafeliz/?system=evangelho&action=busca_result&data=12%2F06%2F2015

Vivendo a Palavra

As palavras que o profeta coloca nos lábios do Pai – «O meu coração salta no peito, as minhas entranhas se comovem» – se fizeram carne no Filho Unigênito, que assumiu a nossa humanidade em Jesus de Nazaré. Ele nos amou tanto que nos ofereceu a própria vida, toda ela dedicada a fazer o Bem e a nos conduzir pelo Caminho que leva ao Pai.
http://www.arquidiocesebh.org.br/mdo/pg05.php

Meditando o Evangelho

O CORAÇÃO TRANSPASSADO

A morte de cruz foi, na vida de Jesus, a expressão consumada de seu amor pela humanidade pecadora e de sua fidelidade ao Pai. Ela resumiu seu projeto de serviço ao Reino de Deus e comprovou que sua vida estava totalmente centrada no Pai.
A cena do coração de Jesus, transpassado pela lança com o conseqüente jorrar de água e sangue, foi carregada de simbolismo sacramental. Do coração de Jesus, brotava a água do Batismo, que purificaria o cristão do pecado e refaria seu relacionamento com Deus. Pelo Batismo, o cristão se converteria ao amor e ao perdão, redescobriria a importância da comunhão fraterna e passaria a fazer parte do povo novo, salvo por Jesus. O sangue jorrado do coração de Jesus simbolizava a Eucaristia, em que sua paixão e morte seriam revividas como memorial, recordando, sem cessar, a presença de seu sacrifício redentor, na história humana.
O coração transpassado não correspondeu à pura constatação de que Jesus, realmente, tinha chegado ao fim. Pelo contrário, a abundância de água e sangue apontavam para a inauguração de tempos novos. Do coração aberto nasceria a Igreja, cuja missão seria levar adiante a obra redentora de Jesus e manter viva sua memória na consciência da humanidade, mediante um testemunho de vida modelado em Jesus. Seu coração seria um apelo aos cristãos para viverem o amor e manifestarem sua fidelidade ao Pai, até o extremo.
Oração
Senhor Jesus, que a água e o sangue, jorrados de teu coração transpassado, revigorem o amor e a fidelidade que estão no meu coração.
http://domtotal.com/religiao/meudiacomdeus.php?data=2015-6-12


Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.

http://homilia.cancaonova.com/homilia/no-coracao-de-jesus-encontramos-cuidado-e-acolhimento/

Oração Final
Pai Santo, celebrando o Coração de Jesus, mais do que nos encantarmos com Ele, nós queremos tomá-lo como modelo de comportamento em nossas relações com os irmãos e com a natureza. Dá-nos a ousadia de tentar seguir seus passos na nossa caminhada por esta terra abençoada que nos emprestas. Pelo mesmo Cristo Jesus, teu Filho e nosso Irmão, na unidade do Espírito Santo.
http://www.arquidiocesebh.org.br/mdo/pg06.php