quinta-feira, 18 de julho de 2013

HOMÍLIA, COMENTÁRIO E REFLEXÃO DO EVANGELHO DO DIA 19/07/2013

19 de Julho de 2013

Ano C


Mt 12,1-8

Comentário do Evangelho

O sábado é dom de Deus

Com poucas variantes, este relato se encontra também nos outros dois sinóticos (Mc 2,23-28; Lc 6,1-5). Trata-se de uma controvérsia acerca do descanso sabático: “… os teus discípulos fazem o que não é permitido fazer em dia de sábado!” (v. 2). Os fariseus são, aqui, os adversários.
Mas o que é permitido fazer em dia de sábado? A cena se passa numa plantação de trigo. Segundo podemos compreender da objeção dos fariseus, em dia de sábado era proibido arrancar as espigas. Jesus responde recorrendo, em primeiro lugar, à história de Davi (1Sm 21,1-10). A fome e a necessidade de manterem em boas condições a vida justificam a atitude de Davi.
Este fato da história de Davi é um exemplo que justifica e ilustra a defesa que Jesus faz de seus discípulos. Jesus interpreta corretamente à Torá, pois ela é dada ao povo de Deus para proteger o dom da vida e da liberdade. O sábado é dom de Deus (cf. Ex 16,29) para recordar a escravidão do Egito e a libertação do povo por Deus (cf. Dt 5,15). Exatamente por isso, no sábado é permitido fazer o bem e salvar uma vida.
Jesus é mais que o Templo, pois nele Deus habita plenamente. Citando Os 6,6, Jesus põe a misericórdia, que supera todo sacrifício, como princípio da ação (ver: Is 58,3-8). O sábado é tempo privilegiado de manifestação do poder salvador do Filho do Homem, poder de dar vida, de fazer viver.
Carlos Alberto Contieri, sj

Vivendo a Palavra

Nada mais natural e espontâneo para um grupo que caminha feliz por um campo de trigo na manhã de sábado do que colher algumas espigas para serem degustadas. Mas os fariseus não pensavam assim: eles seguiam a religião da letra da lei e viam pecado em tudo. Como é a nossa Igreja? Buscamos o sacrifício ou a misericórdia?

Reflexão

Existem pessoas que acham que é difícil seguir Jesus por causa da radicalidade das exigências evangélicas, no entanto, essas mesmas pessoas ficam criando uma série de dificuldades a partir de um legalismo ritual, moral e religioso que acabam por fazer do seguimento de Jesus uma causa de sofrimento e de dor e não uma causa de alegria e felicidade de quem descobre os valores que o conduz para a vida eterna. Muitos cristãos vivem colocando proibições e ficam contentes quando podem falar "não" a alguém. De fato, essas pessoas não entenderam o Evangelho de hoje, muito menos o amor que Deus tem para com seus filhos e filhas.

Meditação


O que o domingo significa para mim? - Como transcorro o “dia do Senhor?” - Coloco as coisas de Deus em primeiro lugar? - Viver a religião é para mim um peso ou algo que me realiza como pessoa humana? - Trato a todos com bondade e misericórdia?
Padre Geraldo Rodrigues, C.Ss.R

COMENTÁRIOS DO EVANGELHO

FAÇA UMA DOAÇÃO AO NPDBRASIL...
1. Os policiais da comunidade...
(O comentário do Evangelho abaixo é feito pelo Diácono José da Cruz - Diácono da Paróquia Nossa Senhora Consolata – Votorantim – SP)

A exemplo dos moralistas de plantão, os Fariseus eram naquele tempo, aquilo que poderia ser chamado hoje de “policiais da comunidade”, só de olho no que os outros fazem para poder acusa-los perante a autoridade. Claro que a Policia Militar faz esse trabalho, e os bons policiais o fazem com todo zelo, e se perceber uma atitude suspeita de alguém, imediatamente irá abordá-lo pois faz parte do seu trabalho.

Os moralistas também agem dessa forma, seguem á risca a lei e julgam-se no direito de fiscalizar as demais pessoas, para que também o façam e não admitem que alguém venha a violar algum preceito da lei. Pessoas assim tornam-se insuportáveis para os outros, porque são como uma engrenagem sem lubrificante, são secas, rigorosas, até que um dia a “casa cai”, quando os outros descobrem que esse grupo só enganava, porque lhes faltava o essencial: o amor e a misericórdia na relação com os demais.

Esse grupo de Fariseus parece que tiravam o dia para “fiscalizar” as pessoas suspeitas, principalmente Jesus e seus discípulos e neste evangelho, em um dia de sábado o flagram colhendo espigas para comerem, pois no meio da caminhada sentiram fome. Querendo mostrar a Jesus o Santo caminho da Lei de Moisés  ( quanta pretensão) acusam os discípulos de estarem fazendo algo que é proibido em dia de sábado: trabalhar!

Jesus toma então alguém importante da História de Israel, o grande Rei Davi, de cuja estirpe viria o Messias, e mostra-lhes que o próprio Davi infligiu aquela lei, quando junto com seus companheiros  entrou no templo e comeu dos pães sagrados, exclusivos dos sacerdotes. O ensinamento de Jesus é exatamente esse: que acima de qualquer lei está a Lei do Amor e da preservação da Vida, e toda lei autêntica deve ter ao centro a Vida do Homem. Jesus não revoga a Lei de Moisés, mas lembra o que está no centro dela, e que os Fariseus há muito tinham esquecido. Não se coloque nenhuma Lei ou norma acima do amor e da misericórdia para com as pessoas.

Os membros dos nossos Conselhos Pastorais, bem como os Coordenadores e Cooperadores, devem estar atentos e muito abertos à Palavra de Deus, para que  não se corrompam com o velho Farisaísmo  que tanto Jesus condenou.

2. O sábado é dom de Deus
(O comentário do Evangelho abaixo é feito por Carlos Alberto Contieri, sj - e disponibilizado no Portal Paulinas)
VIDE ACIMA
ORAÇÃO
Pai, faze-me misericordioso no trato com o meu semelhante, e livra-me de toda tendência ao legalismo sem piedade, que se coloca a serviço da morte.


3. A SUPREMACIA DA MISERICÓRDIA
(O comentário do Evangelho abaixo é feito pelo Pe. Jaldemir Vitório – Jesuíta, Doutor em Exegese Bíblica, Professor da FAJE – e disponibilizado no Portal Dom Total a cada mês).

Deixando de lado o legalismo farisaico, Jesus guiava-se pelo princípio da misericórdia, no trato com os seus discípulos. Esta opção prática levava-o a relativizar as exigências da Lei, sempre que estivesse em jogo a sobrevivência do ser humano, quando se tratava de garantir a vida.

O episódio relatado pelo Evangelho revela o entrechoque de posições. Por um lado, os fariseus expressam seu desacordo ao verem os discípulos de Jesus fazerem, em dia de sábado, o que não era permitido – colher espigas. Este gesto era interpretado como um trabalho agrícola. Por outro lado, Jesus aprova a iniciativa dos discípulos, por saber que comiam as espigas para matar a fome.

A atitude de Jesus encontrava um precedente no Antigo Testamento. Quando Davi, fugindo da perseguição de Saul, chegou ao santuário de um lugarejo, o sacerdote não hesitou em dar a ele e a seus companheiros os pães consagrados que, por Lei, só ao sacerdote cabia consumir. Tendo diante de si um bando de fugitivos famintos, o sacerdote teve a sensatez de colocar a Lei em segundo plano.

A piedade orgulhosa dos fariseus, sempre pronta a condenar quem não se submetesse a seus ditames, devia dar lugar a uma visão humanitária da religião. Afinal, as leis existem em função da vida. Seria contraditório que, por causa delas, alguém viesse a morrer.
Oração
Pai, faze-me misericordioso no trato com o meu semelhante, e livra-me de toda tendência ao legalismo sem piedade, que se coloca a serviço da morte.
Não permita que seu coração seja endurecido
Não deixe seu coração endurecer pela incredulidade. Mesmo que a sua fé seja provada, não afaste o seu coração do Senhor
“Moisés e Aarão realizaram muitos prodígios diante do Faraó; mas o Senhor endureceu o coração do Faraó, e ele não deixou que os filhos de Israel saíssem da sua terra” (Ex 11, 10)
Nós estamos acompanhando a história da salvação através da leitura do livro do Êxodo. Moisés, escolhido para libertar o povo de Deus, com seu auxiliar Arão, vai diante do faraó para ser porta-voz do Senhor.
Ele diz que o Deus de Israel, deseja tirar o seu povo da escravidão do Egito. Mas é óbvio que o faraó não dará ouvido a Moisés e irá endurecer seu coração, obrigando o profeta a realizar muitos prodígios diante do próprio faraó.
A Palavra diz que Deus endureceu o coração do faraó. Isso acontece porque, diante dos milagres que Deus realizava, por meio de Moisés, o faraó se sentia desmoralizado e refém do poder do Senhor.
O fato é que cada vez parecia mais difícil a libertação do povo, pois o governante do Egito estava cada vez mais irredutível. E aos olhos humanos não havia esperança.
Quantas vezes as pessoas veem as obras do Senhor, mas fecham o coração para não reconhecê-las. Por causa disso, sofrem até entender que está diante da vontade do Senhor; assim foi com o faraó, quando perdeu seu primogênito.
Não deixe seu coração se endurecer pela incredulidade. Mesmo que a sua fé seja provada, não se afaste do Senhor. Pelo contrário, abra seu coração para a graça de Deus e você poderá contemplar as Suas maravilhas.
Que Deus hoje lhe conceda um dia abençoado!
LEITURA ORANTE

Mt 12,1-8 - Jesus é mais importante que o Templo


"Eu quero que as pessoas sejam bondosos!"

Preparo-me para a Leitura Orante, rezando:
Espírito de verdade, 
a ti consagro a mente e meus pensamentos: 
ilumina-me.
Que eu conheça Jesus Mestre
e compreenda o seu Evangelho. 
Ó Jesus Mestre, Verdade, Caminho e Vida, tem piedade de nós.
1. Leitura (Verdade)
O que diz o texto do dia?
Leio atentamente o texto: Mt 12, 1-8, e observo as recomendações de Jesus.
Poucos dias depois, num sábado, Jesus estava atravessando uma plantação de trigo. Os seus discípulos estavam com fome e por isso começaram a colher espigas e a comer os grãos de trigo. Quando alguns fariseus viram aquilo, disseram a Jesus: - Veja! Os seus discípulos estão fazendo uma coisa que a nossa Lei proíbe fazer no sábado! Então Jesus respondeu: - Vocês não leram o que Davi fez, quando ele e os seus companheiros estavam com fome? Davi entrou na casa de Deus, e ele e os seus companheiros comeram os pães oferecidos a Deus, embora isso fosse contra a Lei. Pois somente os sacerdotes tinham o direito de comer esses pães. Ou vocês não leram na Lei de Moisés que, nos sábados, os sacerdotes quebram a Lei, no Templo, e não são culpados? Eu afirmo a vocês que o que está aqui é mais importante do que o Templo. Se vocês soubessem o que as Escrituras Sagradas querem dizer quando afirmam: "Eu quero que as pessoas sejam bondosas e não que me ofereçam sacrifícios de animais", vocês não condenariam os que não têm culpa. Pois o Filho do Homem tem autoridade sobre o sábado.
Os fariseus acusam Jesus de permitir que seus discípulos violem o sábado colhendo e comendo os grãos de trigo em dia de sábado. Jesus responde lembrando um fato sobre Davi e seus soldados, relato em 1Sm 21,2-7. Aparentemente violaram o sábado, pois comeram o pão das ofertas. Mas, a necessidade anula a proibição. E ao dizer-se mais importante do que o Templo, Jesus se contrapôs aos chefes, colocando-se, como realmente é, Senhor da Lei.

2. Meditação (Caminho)
O que o texto diz para mim, hoje?
Sou legalista?
Ou, para mim, a Lei tem sentido enquanto defende a vida, o bem, o verdadeiro amor?
Disseram os bispos na Conferência de Aparecida: "A Igreja está convocada a ser "advogada da justiça e defensora dos pobres" diante das "intoleráveis desigualdades sociais e econômicas", que "clamam ao céu". Temos muito que oferecer, visto que "não há dúvida de que a Doutrina Social da Igreja é capaz de despertar esperança em meio às situações mais difíceis, porque se não há esperança para os pobres, não haverá para ninguém, nem sequer para os chamados ricos". A opção preferencial pelos pobres exige que prestemos especial atenção àqueles profissionais católicos que são responsáveis pelas finanças das nações, naqueles que fomentam o emprego, nos políticos que devem criar as condições para o desenvolvimento econômico dos países, a fim de lhes dar orientações éticas coerentes com sua fé" . (DAp 395).

3.Oração (Vida)
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Rezo, a Oração da Paz
Senhor,
Fazei-me um instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor;
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
Onde houver discórdia, que eu leve a união;
Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
Onde houver erro, que eu leve a verdade;
Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre,
Fazei que eu procure mais consolar,

que ser consolado;
Compreender, que ser compreendido;
Amar, que ser amado,
Pois é dando que recebe,
É perdoando que se é perdoado,
E é morrendo que se vive para a vida eterna.



4.Contemplação (Vida e Miss
ão)
Qual meu novo olhar a partir da Palavra? Meu novo olhar é o olhar e a preocupação
da Igreja, com a justiça social.
Bênção
A bênção do Deus de Sara,
Abraão e Agar,
a bênção do Filho, nascido de Maria,
a bênção do Espírito Santo de amor,
que cuida com carinho,
qual mãe cuida da gente,
esteja sobre todos nós. Amém!

 
Ir. Patrícia Silva, fsp
Oração Final
Pai Santo, nós te damos graças pela liberdade que nos foi outorgada por Jesus. Que nós sejamos rigorosos no cumprimento de tua Lei, mas que saibamos distinguir entre o seu espírito, que dá vida, e a sua letra, que mata. Pelo mesmo Cristo Jesus, teu Filho e nosso Irmão, na unidade do Espírito Santo.

LITURGIA DIÁRIA 19/07/2013




Tema do Dia

‘Quero a misericórdia e não o sacrifício.’

O Senhor anuncia a Moisés a libertação. O texto é básico para a cerimônia de Páscoa dos judeus até hoje. Javé enviaria o Anjo para permitir a fuga dos filhos de Israel. “Esse dia será para vocês um memorial, pois nele celebrarão uma festa de Javé.”

Oração para antes de ler a Bíblia


Meu Senhor e meu Pai! Envia teu Santo Espírito para que eu compreenda 
e acolha tua Santa Palavra! Que eu te conheça e te faça conhecer, te ame
 e te faça amar, te sirva e te faça servir, te louve e te faça louvar por
 todas as criaturas. Fazei, ó Pai, que pela leitura da Palavra os pecadores
se convertam, os justos perseverem na graça e todos consigamos 
a vida eterna. Amém.

Verde. 6ª-feira da 15ª Semana Tempo Comum


Primeira Leitura (Êx 11,10–12,14)
15ª Semana Comum
Sexta-feira 19/07/13

Leitura do Livro do Êxodo.

Naqueles dias, 11,10 Moisés e Aarão realizaram muitos prodígios diante do Faraó; mas o Senhor endureceu o coração do Faraó, e ele não deixou que os filhos de Israel saíssem da sua terra.
12,1 O Senhor disse a Moisés e a Aarão no Egito: “Este mês será para vós o começo dos meses; será o primeiro mês do ano. Falai a toda a Comunidade dos filhos de Israel, dizendo: ‘No décimo dia deste mês, cada um tome um cordeiro por família, um cordeiro por casa. Se a família não for bastante numerosa para comer um cordeiro, convidará também o vizinho mais próximo, de acordo com o número de pessoas.
Deveis calcular o número de comensais, conforme o tamanho do cordeiro. O cordeiro será sem defeito, macho, de um ano. Podereis escolher tanto um cordeiro, como um cabrito: e deveis guardá-lo preso até o dia catorze deste mês. Então toda a Comunidade de Israel reunida o imolará ao cair da tarde.
Tomareis um pouco do seu sangue e untareis os marcos e a travessa da porta, nas casas em que o comerdes. 8 Comereis a carne nessa mesma noite, assada ao fogo, com pães ázimos e ervas amargas. Não comereis dele nada cru, ou cozido em água, mas assado ao fogo, inteiro, com cabeça, pernas e vís­ceras. 10 Não deixareis nada para o dia seguinte: o que sobrar devereis queimá-lo ao fogo.
11 Assim devereis comê-lo: com os rins cingidos, sandálias nos pés e cajado na mão. E comereis às pressas, pois é a páscoa, isto é, a Passagem do Senhor! 12 E naquela noite passarei pela terra do Egito e ferirei na terra do Egito todos os primogênitos, desde os homens até os animais; e infligirei castigos contra todos os deuses do Egito, eu, o Senhor.
13 O sangue servirá de sinal nas casas onde estiverdes. Ao ver o sangue passarei adiante, e não vos atingirá a praga exterminadora, quando eu ferir a terra do Egito. 14Este dia será para vós uma festa memorável em honra do Senhor, que haveis de celebrar por todas as gerações, como instituição perpétua’”.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Responsório (Sl 115,12-18)
15ª Semana Comum
Sexta-feira 19/07/13

— Elevo o cálice da minha salvação, invocando o nome santo do Senhor.
— Elevo o cálice da minha salvação, invocando o nome santo do Senhor.

— Que poderei retribuir ao Senhor Deus por tudo aquilo que ele fez em meu favor? Elevo o cálice da minha salvação, invocando o nome santo do Senhor.
— É sentida por demais pelo Senhor a morte de seus santos, seus amigos. Eis que sou o vosso servo, ó Senhor, vosso servo que nasceu de vossa serva; mas me quebrastes os grilhões da escravidão!
— Por isso oferto um sacrifício de louvor, invocando o nome santo do Senhor. Vou cumprir minhas promessa ao Senhor na presença de seu povo reunido.


Evangelho (Mt 12,1-8)
15ª Semana Comum
Sexta-feira 19/07/13


Jesus e o sábado

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, Jesus passou no meio de uma plantação num dia de sábado. Seus discípulos tinham fome e começaram a apanhar espigas para comer. Vendo isso, os fariseus disseram-lhe: “Olha, os teus discípulos estão fazendo o que não é permitido fazer em dia de sábado!”
Jesus respondeu-lhes: “Nunca lestes o que fez Davi, quando ele e seus companheiros sentiram fome? 4 Como entrou na casa de Deus e todos comeram os pães da oferenda que nem a ele nem aos seus companheiros era permitido comer, mas unicamente aos sacerdotes? Ou nunca lestes na Lei, que em dia de sábado, no Templo, os sacerdotes violam o sábado sem contrair culpa alguma?
Ora, eu vos digo: aqui está quem é maior do que o Templo. Se tivésseis compreendido o que significa: ‘Quero a misericórdia e não o sacrifício’, não teríeis condenado os inocentes. De fato, o Filho do Homem é senhor do sábado”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.



Oração para depois de ler a Bíblia


Dou-Te graças, meu Deus, pelos bons propósitos, afetos e inspirações
que me comunicastes nesta meditação; peço-Te ajuda para colocá-los  em prática.
Minha Mãe Imaculada, meu protetor São José e Anjo da minha guarda, intercedeis todos por mim. Amém

BOM FIM DE SEMANA! SOMOS O QUE PENSAMOS E ATRAVÉS DOS NOSSOS PENSAMENTOS, FAZEMOS O NOSSO MUNDO!

Quem de manhã compreendeu os ensinamentos da sabedoria, à noite pode dormir contente. Tenha um Bom Dia!

SEXTA-FEIRA - Espero que você tenha nesse dia muitas alegrias!

MÃE AMADA, CUIDA DA MINHA FAMÍLIA!!!


Sistema de transporte do Rio terá reforços durante a JMJ

Ônibus, metrô e aeroportos terão serviços reforçados para atender os milhões de peregrinos que irão à cidade do Rio de Janeiro em julho
André Alves
Da redação

O kit peregrino disponibilizará o mapa da cidade para 
facilitar locomoção dos peregrinos. Estandes da RioTur 
também servirão de pontos de informação na cidade  
(FOTO: Divulgação)

Segundo a Prefeitura do Rio de Janeiro, todo o sistema de transportes da cidade trabalhará com frota reforçada durante a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Rio2013. O sistema de ônibus terá horários excepcionais, no caso dos Atos Centrais que acontecem na praia de Copacabana e em Guaratiba. Haverá transporte disponível 24h.

BOA NOITE!!! - " Em qualquer parte onde palpite a vida, eis que a vida para crescer e aperfeiçoar-se roga o alimento do amor, tanto quanto pede a presença da luz. Tenha uma noite de paz.


A cidade do Rio se veste de JMJ


Falta menos de uma semana para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio2013). E, com a proximidade do evento, a cidade do Rio de Janeiro, da Zona Norte à Zona Sul, já está toda enfeitada para os seis dias em que receberá a juventude mundial. Em uma caminhada pelas ruas, os peregrinos e voluntários da JMJ Rio2013, que já estão chegando ao Rio, deparam-se com o logo da Jornada em outdoors, adesivos, banners, camisas, broches e até mesmo em esculturas de areia na Praia de Ipanema.

Desembarque de peregrinos será diretamente nas paróquias


Mudanças no esquema da mobilidade de veículos fretados para a JMJ Rio2013 foram anunciadas nesta terça-feira, 16, em entrevista coletiva na Prefeitura do Rio de Janeiro, com a presença do prefeito Eduardo Paes.  Entre as modificações está o desembarque dos peregrinos, que não será mais feito em estacionamentos pela cidade, mas diretamente nas paróquias.

Peregrinos terão assistência de seguro viagem durante a JMJ Rio2013


RIO DE JANEIRO (O REPÓRTER*) - Os peregrinos e os voluntários da Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio2013) têm direito a um seguro viagem durante a JMJ Rio2013. O contrato foi assinado com a SulAmérica Seguros, Previdência e Investimentos. O beneficiário entra em contato com uma Central de Atendimento Exclusiva (0800-770-4069 em todo o território Nacional ou 3190-5518 DDR, com ligação a cobrar). A cobertura será em todos os dias de inscrição ou de trabalho.

Bebê com síndrome de Down se salva do aborto graças a usuários do Facebook


O pedido publicado no Facebook para salvar o bebê

WASHINGTON DC, 18 Jul. 13 / 12:00 pm (ACI/EWTN Noticias).- Ao ficar sabendo que um casal planejava abortar seu bebê que nasceria com síndrome de Down, a paróquia católica da Santa Trindade em Gainesville, estado da Virginia (Estados Unidos) apressou-se para procurar na rede social Facebook quem poderia adotá-lo, obtendo às poucas horas mais de mil casais dispostos a fazê-lo.

Autoridade vaticana esclarece confusão midiática sobre indulgências pela Jornada Mundial da Juventude


O site ACI informou que Dom Claudio Maria Celli, Presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, esclareceu a confusão criada por alguns meios que afirmaram que o Papa e o Vaticano perdoarão pecados, darão indulgências e reduzirão os anos no purgatório através da rede social Twitter com ocasião da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Rio 2013, e assegurou que “não se pode obter indulgências como se consegue um café da máquina”.

A ROSA.......


:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:

Era uma vez uma rosa muito bonita,
que se sentia envaidecida ao saber que
era a mais linda do jardim.


Mas começou a perceber que as pessoas
somente a observavam de longe.

Acabou se dando conta de que, ao seu lado,
sempre havia um sapo grande, e esta era a
razão pela qual ninguém se aproximava dela.

Indignada diante da descoberta, ordenou ao
sapo que se afastasse dela imediatamente.

O sapo, muito humildemente, disse:

- Está bem, se é assim que você quer...

Algum tempo depois o sapo passou por onde
estava a rosa, e se surpreendeu ao vê-la
murcha, sem folhas nem pétalas.

Penalizado, disse a ela:

- Que coisa horrível, o que aconteceu com você?

A rosa respondeu:

- É que, desde que você foi embora, as
formigas me comeram dia a dia, e agora
nunca voltarei a ser o que era.

O sapo respondeu:

- Quando eu estava por aqui, comia todas as
formigas que se aproximavam de ti.
Por isso é que era a mais bonita do jardim...

"Quando estiver com problemas não culpe a Deus
e nem se afaste D'Ele..."

PAZ E LUZ PARA TODOS VOCÊS!!!

-:¦:- E -:¦:-

Um Dia Abençoado para todos!!

:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:

Relíquia do Beato João Paulo II permanecerá no Brasil após a JMJ

João Paulo II foi beatificado pelo então Papa Bento XVI, em 2 de maio de 2011

Agência Gaudium Press

Relíquia do Beato João Paulo II em visita ao 
Brasil. (FOTO: rio2013.com)

A relíquia de sangue do Beato João Paulo II, que foi levada pelo presidente do Pontifício Conselho dos Leigos ao Rio de Janeiro, permanecerá na cidade alguns dias após a Jornada Mundial da Juventude ser concluída. Segundo palavras do Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, desta maneira os fiéis poderão “sentir a presença do Beato” mais facilmente.