segunda-feira, 24 de julho de 2017

São Tiago Maior - 25 de Julho



São Tiago Maior, grande amigo de Nosso Senhor

São Tiago foi o primeiro dentre os doze apóstolos a derramar o próprio sangue pela causa do Evangelho
Nascido em Betsaida, este apóstolo do Senhor era filho de Zebedeu e de Salomé e irmão do apóstolo João, o Evangelista.
Pescador juntamente com seu irmão João, foi chamado por Jesus a ser discípulo d’Ele. Aceitou o chamado do Mestre e, deixando tudo, seguiu os passos do Senhor.
Dentre os doze apóstolos, São Tiago foi um grande amigo de Nosso Senhor fazendo parte daquele grupo mais íntimo de Jesus (formado por Pedro, Tiago e João) testemunhando, assim, milagres e acontecimentos como a cura da sogra de Pedro, a Transfiguração de Jesus, entre outros.
Procurou viver com fidelidade o seu discipulado. No entanto, foi somente após a vinda do Espírito Santo em Pentecostes que São Tiago correspondeu concretamente aos desígnios de Deus. No livro dos Atos dos Apóstolos, vemos o belo testemunho de São Tiago, o primeiro dentre os doze apóstolos a derramar o próprio sangue pela causa do Evangelho: “Por aquele tempo, o rei Herodes tomou medidas visando maltratar alguns membros da Igreja. Mandou matar à espada Tiago, irmão de João” (At 12,1-2).
Segundo uma tradição, antes de ser martirizado, São Tiago abraçou um carcereiro desejando-lhe “a Paz de Cristo”. Este gesto converteu o carcereiro que, assumindo a fé em Jesus, foi martirizado juntamente com o apóstolo.
Existe ainda outra tradição sobre os lugares em que São Tiago passou, levando a Boa Nova do Reino. Dentre estes lugares, a Espanha onde, a partir do Século IX, teve início a devoção a São Tiago de Compostela.
São Tiago Maior, rogai por s!
http://santo.cancaonova.com/santo/sao-tiago-maior-grande-amigo-de-nosso-senhor/

São Tiago, o maior


São Tiago, o maior
Apóstolo
Quado de P. Cavallini
Tiago nasceu doze anos antes de Cristo, viveu mais anos do que ele e passou para a eternidade junto a seu Mestre. Tiago, o Maior, nasceu na Galiléia e era filho de Zebedeu e Salomé, segundo as Sagradas Escrituras. Era, portanto, irmão de João Evangelista, os "Filhos do Trovão", como os chamara Jesus. É sempre citado como um dos três primeiros apóstolos, além de figurar entre os prediletos de Jesus, juntamente com Pedro e André. É chamado de "maior" por causa do apóstolo homônimo, Tiago, filho de Alfeu, conhecido como "menor".
Nas várias passagens bíblicas, podemos perceber que Jesus possuía apóstolos escolhidos para testemunharem acontecimentos especiais na vida do Redentor. Um era Tiago, o Maior, que constatamos ao seu lado na cura da sogra de Pedro, na ressurreição da filha de Jairo, na transfiguração do Senhor e na sua agonia no horto das Oliveiras.
Consta que, depois da ressurreição de Cristo, Tiago rumou para a Espanha, percorrendo-a de norte a sul, fazendo sua evangelização, sendo por isso declarado seu padroeiro. Mais tarde, voltou a Jerusalém, onde converteu centenas de pessoas, até mesmo dois mágicos que causavam confusão entre o povo com suas artes diabólicas. Até que um dia lhe prepararam uma cilada, fazendo explodir um motim como se fosse ele o culpado. Assim, foi preso e acusado de causar sublevação entre o povo. A pena para esse crime era a morte.
O juiz foi o cruel rei Herodes Antipas, um terrível e incansável perseguidor dos cristãos. Ele lhe impôs logo a pena máxima, ordenando que fosse flagelado e depois decapitado. A sentença foi executada durante as festas pascais no ano 42. Assim, Tiago, o Maior, tornou-se o primeiro dos apóstolos a derramar seu sangue pela fé em Jesus Cristo.
No século VIII, quando a Palestina caiu em poder dos muçulmanos, um grupo de espanhóis trouxe o esquife onde repousavam os restos de são Tiago, o Maior, à cidade espanhola de Iria. Segundo uma antiga tradição da cidade, no século IX o bispo de lá teria visto uma grande estrela iluminando um campo, onde foi encontrado o túmulo contendo o esquife do apóstolo padroeiro. E a Espanha, que nesta ocasião lutava contra a invasão dos bárbaros muçulmanos, conseguiu vencê-los e expulsá-los com a sua ajuda invisível.
Mais tarde, naquele local, o rei Afonso II mandou construir uma igreja e um mosteiro, dedicados a são Tiago, o Maior, com isso a cidade de Iria passou a chamar-se Santiago de Compostela, ou seja, do campo da estrela. Desde aquele tempo até hoje, o santuário de Santiago de Compostela é um dos mais procurados pelos peregrinos do mundo inteiro, que fazem o trajeto a pé.
Essa rota, conhecida como "caminho de Santiago de Compostela", foi feita também pelo papa João Paulo II em 1989. Acompanhado por milhares de jovens do mundo inteiro, foi venerar as relíquias do apóstolo são Tiago, o Maior, depositadas na magnífica catedral das seis naves, concluída em 1122.
FONTE: Paulinas em 2015
São Tiago Maior e São Cristóvão
NascimentoNo Século I
Local nascimentoGaliléia
OrdemApóstolo de Jesus
Local vidaSíria (São Cristóvão)
EspiritualidadeSão Tiago era irmão de carne de São João o Evangelista e filho de Zebedeu. Certo dia Jesus passava próximo ao lago de Genezaré quando viu a Pedro e a André que pescavam e os chamou para convertê-los em pescadores de homens. Também chamou a outros jovens, entre os quais, Tiago e João. Ambos, abandonaram de imediato o trabalho, deixaram seus pais e O seguiram. Tiago presenciou, com João e Pedro, a cura milagrosa da sogra de Pedro, Príncipe dos Apóstolos e a ressurreição da filha de Jairo. Nesse mesmo ano, Jesus fundou o "colégio apostólico". O Messias lhes deu o nome de o "Filhos do trono". De temperamento impetuoso, os apóstolos Pedro, Tiago e João foram eleitos por Cristo para que O acompanhassem nos momentos mais difíceis de Sua vida. Foram os únicos testemunhas da Transfiguração no Monte Tabor, e os que O acompanharam durante sua agonia e suor de sangue no Getsemâni. O apóstolo Tiago morreu por Cristo pela perseguição que o rei Herodes Agripa I desencadeou em Jerusalém contra os cristãos para agradar aos judeus. Foi sepultado em Jerusalém, mas, segundo outra tradição, seu corpo foi trasladado para Compostela, que significa "Campo de Estrelas"., que se transformou em um dos maiores centros de peregrinação da Europa. As relíquias do apóstolo acham-se no santuário. O Papa Leão XIII, em 1884, qualificou-as como autênticas. Leia uma biografia completa de Santiago o Maior em Enciclopédia Católica SÃO CRISTÓVÃO Nascimento Séc.III Devoção A caridade, serviço ao próximo Padroeiro Dos viajantes e motoristas. Diz-se que nasceu no século III, era filho primogênito do rei de Canaã, e recebeu o nome de Ofero Relicto despertando admiração pelas suas virtudes, principalmente a delicadeza com que tratava as pessoas. Era belíssimo e sua ambição maior era a se servir um rei que fosse muito poderoso. Passou a prestar serviços ao imperador, como guerreiro famoso e temido e passou a obedecer a Satã, cujo poder fazia o imperador se amedrontar. Relicto percebeu que acima do poder de satanás, estava a cruz, ante a qual fogem todos os demônios e Relicto de tornou cristão. Começou a viajar em busca da história do Crucificado e em uma de suas viagens encontrou um eremita que lhe contou a história. Converteu-se, batizou-se e decidiu devotar a vida ao transporte dos viajantes que necessitassem atravessar um rio caudaloso. Certo dia, um menino pediu que o levasse até a outra margem. Colocou a criança nos ombros, entrou na água e começou a sentir que o peso aumentava a cada passo. Ao chegar à margem oposta, curvado pela carga, quase morrendo afogado por seu enorme peso, ouviu do menino: "Não te surpreendas com o que aconteceu, pois comigo carregaste todos os pecados do mundo." Só então reconheceu o pequeno viajante: era o próprio Jesus, que o mandou cravar na terra o cajado no qual se apoiava. No dia seguinte, o cajado tinha se transformado numa palmeira. O milagre fez com que muitos se convertessem e levo Relicto Ofero a mudar seu nome para Chistophoros (Cristóvão) que em grego significa "aquele que carrega Cristo". Retirado do calendário litúrgico católico em 1969 por ter-se dúvidas de sua verdadeira existência, são Cristóvão continua a ser venerado em todo o mundo como protetor dos viajantes e motoristas.
Local morteEspanha, enquanto pregava.
MorteNo Séc. I
Fonte informaçãoSanto Nosso de cada dia, rogai por nós
OraçãoBendito seja São Tiago apóstolo, que pelo conhecimento de Cristo, que é a "Luz dos Povos", tornou-se grande apóstolo da Verdade, e que por Ele viveu e morreu. Dai-nos, ó Deus, por sua intercessão, a graça que vos pedimos. São Tiago, rogai por nos. Amém. Ó São Cristóvão, que atravessastes a correnteza furiosa de um rio, com toda a firmeza e segurança, porque carregáveis nos ombros o Menino Jesus, fazei que Deus se sinta sempre bem em meu coração, porque então eu terei sempre segurança na direção do meu carro e enfrentarei corajosamente todas as correntezas ou adversidades que eu tiver de enfrentar, venham elas dos homens ou dos espíritos do mal. Amém.
DevoçãoA Evangelização
PadroeiroDa Guatemala e Nicarágua (São Tiago)
Outros Santos do diaCristóvão, Cucufate, Paulo, Florêncio, Félix, Teodomiro, Valentina (vg); Tea (márt.); Magnerico, Turpião, Orso, Nesão (bispos). Beato Ceferino Jimnez Malla (padroeiro dos Ciganos).
FONTE: ASJ EM 2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário